A palavra é Feedback

#pracegover: fotos dos participantes do evento.

Feedback, a arte de dar e receber mensagens que podem te fazer trabalhar melhor, pior ou mesmo refletir sobre posturas e ações dentro de uma empresa ou no seu dia-a-dia.

O 3˚ Encontro CX organizado pelo Bruno Guimaraes na deônibus foi sensacional, lá conheci muita gente fera quando se trata de CX e CS, calma não tô falando de Counter Strike, mas sim de Customer Success, Happiness, Customer Experience e muita gestão de Stakeholders e Equipes.

A deônibus

Um lugar no meio de São Paulo que me lembrava muito a praça do Japão em Curitiba, vegetação e um lago de carpas fantástico no meio de São Paulo, nem parece aquela cidade agitada e dos engarrafamentos e pessoas com pressa nos seus dias.

O Grupo

Um grupo no WhatsApp cheio de pessoas sérias e empolgadas em aprender e compartilhar experiências vividas e novas práticas que possam auxiliar a todos.

Apesar de eu não concordar com este uso para WhatsApp fiquei intrigado e estou participando.

Os temas pela minha visão:

Oportunidades e Felicidades, um case Coca-Cola, por Ludmila Tavares;

Uma história curta sobre o poder das redes sociais quando elas eram novidades para poucos, mas o poder de tentar o diálogo com seus clientes através das mesmas.

O ciclo do Feedback na Intuit, por Ramiro de Gouveia Martins;

Feedback é bom, depende da cultura da sua empresa, com bons exemplos de como fazer e tipos de perfis para cada fase e sim a importância de continuar buscando melhorar e aprender cada vez mais com o Feedback.

O poder do feedback e o cliente, por Thais Diniz;

Apresentação — Estratégia CX e Engajamento Interno

Um case específico, mas como ações de colocar o cliente em primeiro lugar e dar espaço para o feedback em pesquisas e como o uso de Focus Group ajudou a definir caminhos e mais uma vez a cultura da empresa retorna no tema, como é difícil mudar as cabeças, mas como é importante e gratificante ver que se há a menor das possibilidades ela deve ser testada afim de mostrar seu poder.

SAC 3.0, as transformações no mercado, por Filipe Mota;

Se seu SAC usa somente o telefone pra quando a corda tá arrebentando, bem é preciso repensar isso, ir além e buscar ouvir o cliente, dar o Feedback desejado, que pode ser uma fralda ou um atendimento com informações corretas e realmente usar a empatia para entender o cliente.

Tivemos umas 40 pessoas no evento e foi muito legal, espero poder participar e colaborar com os próximos eventos.

Ah não posso deixar de falar do mais importante, além do Coffee Break super gostoso teve um plus animal: Quick Massage, sabe o que é ir num evento e ouvir pássaros, árvores, água e relaxar? então teve tudo isso.


Gostou? Participe e compartilhe, conhecimento é poder. Ah não esqueça de bater Palmas. Fazendo isso, você ajuda este artigo a ser encontrado por mais pessoas.