uma droga — foto do tumblr

A maconha.

Ela precisa ser legalizada

Eu pensei muito antes de escrever esse texto porque vai ser muito fácil me taxar como MACONHEIRINHO depois disso. Mas não é porque eu quero comprar um beckzin no mercado que eu decidi fazer. Eu decidi me manifestar porque realmente não faz sentido manter a maconha no mesmo nível de cocaína, crack e tantas outras drogas com efeitos muito piores.

Eu vou tentar ser o mais objetivo possível. E também gostaria de pedir desculpa se eu repetir muitas vezes os sinônimos pra “maconha”. Eu não conheço muitos. Inclusive aceito respostas pro texto com termos novos. Mas não quero perder o foco. Vamos lá.

Toda semana surgem dados, pesquisas, depoimentos, comprovando o quão “inofensiva” é a maconha. Mas muita gente continua ignorando todos esses fatos e nós, como sociedade, ainda colocamos na cadeia quem ousa desafiar essa lei que pune a galera que quer ficar de boa.

o post em questão

Primeiro, precisamos admitir que a guerra contra drogas falhou. Pelo menos no que se trata da planta.

Nós prendemos os caras que tão fumando um baseado na praça e ficamos cheios de orgulho. Com tanto orgulho que postamos nossas façanhas no Facebook — a boa notícia foi que as pessoas se deram conta do quão ridículo foi essa apreensão.

E claro. É muito fácil prender o cara que tá chapado na praça (pelo simples fato dele estar chapado). Ele não vai fugir, ele não vai brigar. Ele só vai pedir mais 5 minutinhos pra terminar o fininho dele e andar um pouco de balanço.

Díficil, mas díficil mesmo, é prender esses mais de 30 bandidos que assaltam pessoas no centro de Porto Alegre todo dia.

É mais fácil prender o cara da faculdade que comprou porque quer fumar com as mina na noitezinha do final de semana. Tão mais fácil que, 67,7% dos presos por tráfico no Brasil tinham menos de 100g de maconha.

Vamos pela lógica então.

2 em cada 3 policiais que efetuaram alguma prisão por TRÁFICO DE ENTORPECENTES, pegaram um cara com um saquinho, ou menos, de maconha.
2 em cada 3 reais gastos com o combate ao tráfico foi dedicado pra prender os brother que só queriam fazer a ida ao rodízio de pizza valer a pena.

E mesmo se a conta não for diretamente proporcional (provavalmente não é ninguém aqui é imbecil) como esse exemplo meu, AINDA É UM ABSURDO.

Mas legalizar é muito díficil, né. Implica em muita coisa. O que fariam esses policiais todos? Onde iria essa grana? Se a guerra contra o tráfico tem menos dinheiro, tem menos margem pra lavagem de dinheiro também. A guerra do tráfico custa muito pro governo, mas também paga muito pra Polícia.

E esse é só um ponto pra começar a discussão.

um drogado — foto do tumblr

Muito se fala do “vício na maconha”, nos “malefícios de fumar maconha” ou até ser uma “porta de entrada pra drogas mais pesadas”.

Eu não sou burro pra dizer que maconha é o melhor remédio do mundo e vai resolver todos os teus problemas. Também não vou dizer que maconha não faz mal.

Não vamos inventar coisa pra lado nenhum. Maconha é maconha.

Então, mais uma vez, vamos aos fatos:

  1. É um bagulho pra te relaxar;
  2. Virar dependente de maconha é muito díficil;
  3. Não vai te fazer injetar nada;
  4. E, dependendo do que for, ainda vai te ajudar com alguns problemas.

Recentemente a Organização Mundial da Saúde foi reavaliar uns estudos antigos e descobriu que Maconha vicia menos que nicotina, cigarros e em alguns casos, vicia até menos que café. Até aqui tranquilo. Vício nunca foi problema pra ninguém. Aqui é todo mundo cabeça feita.

E gente cabeça feita não sai fumando crack porque ficou chapado. Isso foi comprovado numa pesquisa feita bem recentemente pela Universidade do Texas e da Flórida. A maconha não é, e nunca foi, porta de entrada pra nenhuma droga.

O estudo até sugere que o alcool tem mais influência nesse fator do que a maconha. Que surpresa, não?

Vamos entrar um pouco mais nesse ponto. Vamos supor que a gente descobrisse hoje a maconha, o alcool e o cigarro. Nunca se ouviu falar de nenhum deles e do nada PÁ. Agora todo mundo pode fumar maconha e cigarros, além de tomar uma cervejinha NO MUNDO TODO.

Depois de um ano, a OMS se organiza pra uma discussão sobre essas 3 substâncias.

O alcool matou 3,3 milhões de pessoas.
O cigarro matou 6 milhões.
A maconha não matou ninguém.

Pra alguém morrer de overdose de maconha, essa pessoa precisa fumar de 20.000 a 40.000 baseados.

Agora, aquela história de “eu fumo porque me faz bem” é verdade? Olha, pode até ser.

Um veterano de guerra americano, que sofria muito com Transtorno de Estresse Pós-Traumático, pai de 4 filhos, tentou todos os remédios receitados pelos médicos, mas segundo ele, só maconha ajudava nas crises mais severas. Até aqui, tudo lindo.

Mas, como morava no Kansas, estado em que o consumo é ilegal, ele optou por se mudar para o Colorado, onde o consumo recreativo de maconha é uma das maiores fontes de renda do governo atualmente. E claro, como todo bom governo, decidiram tirar a guarda dos filhos do soldado.

Rica merda.

Raymond Schwab não está sozinho fazendo o tratamento com a erva do diabo. Nos Estados Unidos, muitos estados permitem a maconha medicinal e nesses estados, as mortes por abuso de analgésicos caiu 25%.

Junto com a polícia, as farmácias também tomariam no cu com a legalização. Tá ficando cada vez mais difícil, né?

duas droga — foto do tumblr

E se a preocupação for: COMO FICAM AS CRIANÇAS????????????

Também no estado do Colorado uma fatia bem gorda dos impostos gerados pelas vendas dessa planta maldita foi pras escola. Em um mês, foram mais de U$3 milhões de dólares injetados em educação.

Eu não estou dizendo que temos que acabar com a polícia. 
Eu não estou dizendo que todo mundo vai ser obrigado a fumar. 
Ou que as crianças também vão ter que sair estourando um.
Eu só acho uma coisa:

Regular, taxar e controlar é uma saída muito mais sensata do que sair prendendo quem só quer fumar um baseado.

Eu tenho certeza que aos poucos a visão que a sociedade tem sobre esse assunto vai mudar. Já ouvi pessoas bem conservadoras apoiando a liberação.

E não, eu não acho que a descriminalização é uma solução. Eu acho que é uma desculpa pra continuar oprimindo gente que não precisa, nem merece, ser oprimida.

Todo mundo já está cansado da mesma discussão. Eu também estou. Mas por algum motivo, eu posso fumar cigarros, eu posso beber cerveja, posso me entupir de tarja preta… Só não posso plantar maconha na MINHA CASA. E vendo tudo isso que eu coloquei aqui no texto, não faz sentido abaixar a cabeça e aceitar que pessoas desinformadas continuem dizendo mentiras e criando leis novas em cima dessas mentiras.

Pra encerrar, não acho que esse seja o maior problema do Brasil hoje. Mas é um problema grande o suficiente, com evidências suficientes, com gente suficiente envolvida pra acabar de uma vez por todas com essa putaria que rola quando o assunto é maconha.


Se tu concorda comigo, complementa o que eu falei, compartilha, recomenda no ❤ ali embaxo. Vamos conversar mais sobre isso!
Se tu discorda de alguma coisa que disse, por favor responde. Eu quero saber a opinião da oposição (de verdade). Quero conversar contigo também.

Se gostou do texto, talvez tu goste do meu canal no YouTube também.

Dá uma olhada aí:

Like what you read? Give Martin Mayer a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.