Conheça 5 ferramentas para viajar gastando menos (e aproveitando mais)

Viajar é uma das melhores coisas da vida. E as vezes, pode ser uma das mais caras, também (a máxima pra quem viaja ao exterior: “Quem converte não se diverte” é verdadeira, mesmo que você vá para países que — em teoria — tem uma moeda menos forte que o Real). Por isso, resolvi escrever esse guia, pra compartilhar algumas maneiras que encontrei de economizar, usando a tecnologia.

Sim, é a tecnologia a favor dos viajantes. =)

Sabendo planejar a viagem, e tendo uma conexão de internet (3G ou 4G recomendados), fica bem mais fácil economizar na compra de passagens aéreas, hospedagem, alimentação e transporte dentro da cidade.

Então vamos lá!

Como economizar na compra de passagens aéreas

Aqui existe uma algo que é quase sempre verdade: quanto maior a antecedência na compra da passagem, maior é a chance de economizar. Note, que eu falei economizar, e não comprar passagens promocionais. E por que isso?

Passagens promocionais são ótimas, mas falaremos delas depois. Agora, eu vou trazer uma ferramenta que permitirá projetar o valor da passagem para alguns meses, de uma maneira bem fácil: o Google Flights. — www.google.com.br/flights/

Essa é uma boa ferramenta, para quando você for planejar as suas férias, por exemplo. Assim, você pode ver com antecedência em qual momento do ano a viagem ao destino que você quer estará mais barata e requisitar na empresa as datas desejadas.

Receba alertas de promoções de passagens aéreas

Mas, caso você tenha uma maior flexibilidade nas datas de viagem, e pode esperar uma promoção para comprar a passagem aérea, a ferramenta a se usar é oVoopter. — voopter.com.br

O Voopter também tem um blog com várias sugestões de economia na compra de passagens aéreas. Vale a pena conferir sempre: voopter.com.br/ofertas-e-dicas

Como economizar na hospedagem

Começo aqui, compartilhando a experiência que me motivou a escrever esse post: na primeira vez que fui para Curitiba, usei o AirBNB. E não apenas porque é uma forma bacana de encontrar a hospedagem ideal, mas sim porque deixar de ficar em um hotel e alugar um apartamento representou uma economia muito grande. Mesmo.

Procurei um hotel em Curitiba, utilizando os sites mais conhecidos, como o Booking e o Trivago. O valor de 3 diárias seria de R$ 540,00. Claro, café da manhã incluso.

Então resolvi procurar no AirBNB. Encontrei um apartamento pequeno, em um bom local do centro da cidade. O valor, com as taxas do AirBNB: 300 reais. Claro, sem o café da manhã (uma “desvantagem”, segundo as pessoas que não querem deixar de ficar em um hotel), mas como a economia era de quase 50%, achei que valia a pena.

E essa economia foi tão boa, que cobriu os custos com a alimentação e ainda sobrou. Sério… O café da manhã em uma ótima padaria custava 6 reais por pessoa… Valeu a pena ou não?


Cadastre-se no AirBNB através desse link

E me ajude: Ao se cadastrar, nós dois podemos ganhar um bônus na sua primeira hospedagem. Depende do valor (veja as regras do AirBNB).


E se você tem algum medo de usar o serviço, saiba que foi tudo muito tranquilo. Basta ver a reputação da pessoa que está alugando, e as avaliações sobre o local. E simples e seguro, e você conta com o suporte do AirBNB.

Como encontrar ótimos lugares para comer

Uma outra dúvida que todo viajante tem: Onde sair pra comer? Aqui a dica é uma ferramenta que já foi bastante popular, mas agora anda esquecida… O Foursquare. –foursquare.com

Sim. Existem diversos rivais desse que já foi uma das empresas mais festejadas do mundo da tecnologia. Mas o que eu gosto do Foursquare é o arquivo de avaliações que eles têm, e a facilidade do uso do aplicativo no smartphone. Pra mim, ele é o mais amigável.

E de tão simples não precisa de muita explicação… Basta ativar o GPS do celular e escolher qual tipo de restaurante você quer. Durante a já citada ida à Curitiba (uma cidade que eu nunca tinha ido, e não fazia idéia do que encontrar), busquei por restaurantes japoneses para almoçar.

Apareceram várias opções, todas com uma boa pontuação surgiram na tela. Então, como decidir? Pelos comentários. Sobre vários locais era possível ler os usuários falando a mesma coisa:

Ótima comida. Preço justo.

O que era de se esperar, já que usei o filtro de preço (você pode pedir por locais baratos ou caros). Depois de cinco minutos lendo, um comentário me ajudou a decidir:

Buffet livre. Comida feita por um japonês. Local frequentado por japoneses.

Ora, se o dono e os clientes são japoneses, ele tem um diferencial… Afinal, essas pessoas comem sushi desde pequenininhos, logo sabem qual é o sabor que a comida realmente deve ter. Interessante…

Os dados do restaurante estavam lá. Liguei. Resumindo a história: Comida incrível, livre, por apenas R$ 21,50. E ainda tive umas aulas de japonês. E isso aconteceu por causa dos comentários, muito mais do que pelo preço ou qualquer outro motivo (claro, se fosse 0 reais, não ia rolar…

Como usar o transporte público

E por último, mas nem por isso menos importante… O app que me ajuda quando preciso pegar um ônibus. Sim!

Eu morava em Porto Alegre e nunca entendi o confuso sistema de transporte público da cidade. Mas sempre ouvi falar muito bem do de Curitiba… Bem, ele pode ser ótimo para quem é de lá e usa diariamente… Mas pra quem vai passar 3 dias, ele precisa ser descoberto. E fiz isso usando um aplicativo que tinham me recomendado há tempos: o Moovit. — moovitapp.com/pt-br/

Ele é bem simples: Basta digitar o local para onde você deseja ir (a sua localização é vista automaticamente), o horário que você deseja usar o ônibus e pronto! Ele disponibiliza uma lista de ônibus e quando ele chegará na parada que você escolher (o app mostra várias opções). É muito fácil, mesmo.

O app diz, até, o tempo que você levará para chegar ao destino.

Assim você poderá viajar com mais tranquilidade e gastando menos

Porque o smartphone, é bem provável, você já tem. Os pacotes de dados dos celulares estão ficando mais atraentes, então é tranquilo ter internet disponível para que você utilize os apps recomendados.

Você tem alguma dica de tecnologia para viajantes? Diga aqui nos comentários!

Leia também:
Like what you read? Give Lucas Pereira a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.