Como descobrir quais os melhores canais sociais para investir?

pexels-photo-481160

O aumento do surgimento de diferentes canais de comunicação traz uma vantagem importante para as marcas. Quanto mais canais, mais nichos, segmentados de maneira cada vez mais específica, aumentando a chance de atingir o seu público em cheio.

A dificuldade gerada por isso está justamente em encontrar efetivamente o público da sua marca, descobrir mais sobre o seu comportamento para criar estratégias e campanhas capazes de atingi-los de maneira certeira. Mas em meio a tanta informação, como escolher os canais certos para investir?

Antes de tudo, é preciso desenhar e definir precisamente quais são os seus principais objetivos, para que o pensamento estratégico seja então alinhado a esses objetivos em todos os processos de planejamento. Vá além do óbvio e generalista como por exemplo, “vender mais”. Seja mais específico e pense em “vender X produtos até tal mês” ou “aumentar em 15% as vendas até final do ano”. Para pensar nisso com assertividade, é importante fazer uma análise de crescimento da sua empresa, do mercado e quais são as projeções mais palpáveis.

Quando definimos pequenos objetivos, desdobrando o processo estratégico, conseguimos construir passo a passo o que precisa ser feito e da melhor maneira que pode ser feito. A partir disso, as respostas sobre os canais certos para a sua atuação começam a ficar mais claras. Por exemplo, se um dos objetivos é melhorar a comunicação com os consumidores, que tal ser mais ativo nas redes sociais em que seu público é mais atuante? Ou, se você deseja mais tráfego e conversões no seu site, talvez uma estratégia de SEO seja o ideal.

Outro ponto importante é elencar informações que te ajudem a descobrir mais sobre como o seu target se comporta online. As possibilidades de divulgação oferecidas pelos canais sociais e a internet são múltiplas, mas nem sempre funcionam para todos. Usuários que nasceram a partir dos anos 2000, por exemplo, consomem muito mais vídeos, mas são também uma geração muito mais imediatista.

Além do planejamento prévio, é importante lembrar que a maneira com que as pessoas usam e são impactadas em cada rede social muda constantemente, o que exige acompanhamento constante das suas ações, monitorando o que funciona melhor e aprimorando aspectos da sua estratégia sempre que necessário. Para isso, é muito importante contar com uma ferramenta como OpSocial, que permita transformar os números da sua atuação em insights acionáveis, ajudando na compreensão do que precisa ou não ser alterado para que os objetivos da marca sejam alcançados.