Curso de eletricista quer medir impacto na carreira dos alunos

Na preocupação de preparar os adolescentes e jovens da Comunidade para o primeiro emprego, o Instituto Robert Bosch busca através de parcerias oferecer cursos profissionalizantes.

Como saber se um curso está realmente ajudando os alunos a entrarem no mercado de trabalho? Se perguntando isso, o Instituto Robert Bosch recorreu ao PeaceLabs. O INRB conta com o PeaceLabs para o monitoramento de impacto de seu novo projeto social, tendo assim retorno garantido do andamento do projeto. Isso permite que os gestores mantenham o foco de seus objetivos e consigam utilizar os investimentos de maneira estratégica.

Projeto que nasceu da parceria da Associação das empresas da Região do CIC com Instituo Robert Bosch e SENAI CIC, tem o intuito de proporcionar a 25 jovens da Região do CIC, entre 18 a 22 anos um curso profissionalizante de 160 horas de Auxiliar de Eletricidade Predial (http://peacelabs.co/p/curso-de-auxiliar-de-eletricidade-predial). Promovendo assim a inclusão no primeiro emprego e especializando mão de obra para oferecer às empresas da região.

O Instituto Robert Bosch, vem desde 2016 conversando com a Associação dos empresários do CIC buscando parceria para oferecer cursos para adolescentes e jovens em áreas que as empresas possam aproveitar no seu quadro de aprendizes, estagiários ou até mesmo uma contratações efetivas. Neste ano de 2017, estão oferecendo em parceria com a AECIC e o SENAI CIC cursos de Mecânica Básica e Auxiliar de Eletricidade Predial para promover capacitação, especialização da mão de obra e sensibilização dos empresários para aproveitamento dos capacitados na região.

Mas como saber se um curso está realmente ajudando os alunos a entrarem no mercado de trabalho? Pensando nisso, o Instituto Robert Bosch recorreu ao PeaceLabs. O Instituto Robert Bosch conta com o PeaceLabs para o monitoramento de impacto de seu novo projeto social, tendo assim, retorno garantido do andamento do projeto, o que permite que os gestores mantenham o foco de seus objetivos e consigam utilizar os investimentos de maneira estratégica.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.