Updates Edição 23: Pivotei e voltei!

Olá, Inbound Camper,

Faz exatamente 2 meses desde o nosso último Updates. Eu sei, eu sumi e não mandei notícias. Me desculpe! Mas eu “pivotei” e voltei!

Eu explico:

“Pivotar”, de acordo com o artigo da Exame, é “o termo é derivado do inglês to pivot (“mudar” ou “girar”) e designa uma mudança radical no rumo do negócio.

Desde 2014 eu tenho escrito artigos no meu blog, mas a minha persona principal era gerentes de marketing de empresas, por ser um público com o qual eu já estava habituado a conversar e entender as suas “dores”.

Passaram-se 4 anos e o público que consumia o meu conteúdo mudou. Empreendedores, startups e freelancers passaram a ser os principais consumidores dos meus conteúdos. Acredito que a crise econômica pode ter influenciado essa mudança.

Não é mais só o vendedor que entra no meu blog querendo saber como ele pode vender mais. Tem o empreendedor, dono de startup, que começou a fazer marketing e precisa melhorar as suas habilidades em vendas, como também precisa saber como cobrar e acompanhar os resultados do seu 1º vendedor quando o negócio crescer.

Tem também o jornalista que quer montar uma agência com mais um amigo para “ganhar mais grana”, como é o caso de um aluno, Bruno, que me mandou essa mensagem: “[…] estamos na fase inicial desse projeto, entretanto o foco é algo que faça história e que possamos mudar a vida das pessoas, igual você mudou a minha com o seu curso”.

Vou abrir um parênteses aqui: são depoimentos como esse que me lavam a alma e me incentivam a levar o blog para o próximo “step” (passo). (Pessoal de marketing adora colocar estes termos de inglês no meio da conversa.)

Por causa de depoimentos como esse do Bruno é que vou mudar o rumo do meu blog e priorizar conteúdos para empreendedores. Creio que dessa forma vou conseguir ajudar muito mais gente, que é o propósito do meu blog.

Nos últimos 12 meses, eu tive uma média de 5.300/mês visitantes únicos. E minha meta será atingir 8.000/mês até dezembro. Corresponde a um aumento de 50%.

Desde o ano passado parei de investir em anúncios online (Google e Redes sociais). Entretanto, pretendo investir 100 dólares/mês para realizar experimentos e poder compartilhar os resultados. Para alguns empreendedores individuais e freelancers esse valor é bem acima do que eles estão acostumados a fazer.

E, para que o site fique sustentável e se pague sozinho, irei experimentar a venda de infoprodutos, como PDFs. Assim, eu terei estudado mais táticas que poderei compartilhar no formato de dicas práticas para os meus leitores.

Assim, o site e o blog passam a ser um “diário de bordo” em que relatarei o que estou fazendo para construir a minha presença online. O site e o blog são o centro da estratégia, tendo as redes sociais e ferramentas de automação de marketing para distribuir e direcionar tráfego para o seu núcleo.

Buscarei aplicar a técnica de estudo diário, interagindo com os usuários das redes sociais e do site (via chat e email), para engajar e ter conhecimento se estou conseguindo proporcionar uma experiência otimizada de Play-Driven Design.

Sei que vai tomar um tempo, mas quero conhecer e ficar bem mais próximo dos meus leitores. O meu desejo é conquistar 1.000 fãs de carteirinha, seguindo um pouco a teoria de que todo negócio precisa de 1.000 verdadeiros fãs.

Agora eu gostaria de saber a sua opinião sobre tudo isso. O que você acha? Você tem alguma sugestão ou crítica? Já estou começando o meu estudo diário com você! (rs)

Tenha uma ótima semana!

Grande abraço,

Angelo

P.S. Aguardo a sua resposta a esse email.


Originally published at Angelo Públio.