15–3919 13–1520 Plágio

você é meu centro quando eu giro
fora de controle
gravado

você é meu centro quando eu giro
fora de controle
rebobino

você é o centro de quando eu giro
foda o descontrole
reverencio

sinto uma certa paz nesses tons pausados
de um piano repetido

sinto que sou capaz
mas essa é pra dizer a____
sinto pelo que deixei atrás
por trás
do medo
do jeito
enviezado
de dizer
_deu_

você era meu centro quando eu girava fora de controle
você era um centro pra qual eu girava fora de controle
você era

mas hoje lá atrás no início do registro em VHS
foi o dia mais belo e preciso — não tenha medo
hoje em silêncio foi sublime o que eu vi
no registro das fitas que se perdem com o tempo

porque eu não posso dizer cara a cara
porque eu não posso
por quê?

Lapa, passa na janela
Gomes Freire, na janela
Santa Teresa, na janela
no céu serenidade rose quartz
no teatro de Homero
a escada e na escada
cinzas para ela

eu não tenho como achar palavra melhor
do que na música roubada
entre arcos-íris sonoros
olhos de prisma ouroboros
essa é pra dizer ____s