Oficina na Vila dos Atletas faz mais de 2 mil reparos em próteses e cadeiras de rodas durante os Jogos

Crédito: Priscila Pacheco

Publicado no portal Rio 2016: 17 de setembro de 2016

Mais de duas mil próteses e cadeiras de rodas já passaram pela oficina da Ottobock na Vila dos Atletas. “Algumas vezes, chegamos a fazer 200 atendimentos por dia”, diz Merle Florstedt, gerente da empresa, fornecedora oficial de serviços técnicos dos Jogos Paralímpicos Rio 2016. Cerca de oitenta por cento dos reparos acontecem em cadeiras de rodas, principalmente as utilizadas nos jogos de basquete e rugby, por causa dos impactos nas competições. “Às vezes é só encher o pneu, mas outras cadeiras precisam soldar”, explica Florstedt.

Leia a matéria completa no portal da Rio 2016