Women are Heroes — Phnom Penh (2009) por JR. Imagem contesia TED Prize.

JR e seus lambes

O artista que quer virar o mundo do avesso.

Eu conheci JR em uma aula de projeto para editais de fotografia no início de 2016. Nunca dei muita atenção para conferências TED, provavelmente foi a primeira vez que vi um por completo, mas esta aconteceu em 2011, na qual o artista de rua JR deu uma palestra na California sobre seu projeto Inside Out. Foi quase uma convocatória para quem quisesse participar de um projeto de grande porte que consiste em utilizar lambe-lambe como forma de compartilhamento de ideias, ideais, histórias, através de retratos gigantes aplicados em várias cidades ao redor do mundo.

I wish for you to stand up for what you care about by participating in a global art project, and together we’ll turn the world…INSIDE OUT.” (JR, TED, 2011).

Na palestra, JR conta como começou o seu trabalho retratando pessoas que se comunicavam grafitando ou pixando a cidade com uma câmera que encontrou no metrô de Paris. Depois, passando a fotografar pessoas que frequentavam os limites verticais proibidos da cidade, como telhados e locais subterrâneos.

Mas o trabalho que realmente consolidou o JR foi o Portrait of a Generation, em que retratou "bandidos" e, usando lambe-lambes enormes, colou seus rostos em muros de bairros de elite de Paris, o que foi certamente considerado ilegal e transgressor. Eventualmente, o projeto deixou a ilegalidade, de certa forma, quando a prefeitura da cidade aplicou as imagens ao redor do seu prédio.

Portrait of a Generation. Braquage, Ladj Ly por JR, Les Bosquets, Montfermeil, 2004.

Outro projeto ainda mais transgressor, mas ainda mais transcendente, foi o Face2Face, realizado em 2007, no qual retratou israelenses e palestinos transformando-os em grandes painéis de lambe e aplicou as imagens no muro que separa o Estado de Israel da Palestina. A ideia era mostrar como, por exemplo, um taxista israelense não é lá tão diferente assim de um taxista palestino.

O Face2Face consiste em retratar Palestinos e Israelenses que tem a mesma ocupação, colocando-os face a face, em formatos enormes e em locais inevitáveis de ambos os lados do muro. Queremos, afinal, que todos riam e pensem ao verem o retrato do outro e de si mesmos lado a lado.
Face2Face — Freiras em Ação, Muro da Csijordânia,Cerca de Segurança, Lado Palestino, Belém, 2007.

JR veio no Brasil entre 2008 e 2009 onde desenvolveu o projeto Women are Heroes , e voltou este ano para as Olimpíadas com os Gigantes do Rio de Janeiro.

Instalação de Gigante das Olimpíadas por JR, na Barra — Rio de Janeiro, 2016.

As instalações foram criadas como parte de um programa de artista-residente das Olimpíadas, feitos durante os jogos. Foram escolhidos atletas pouco conhecidos para serem fotografados naquele momento em que estão "borrados" pelo movimento de modalidades que são instantaneamente reconhecíveis, como natação ou salto em altura.

Se quiser dar uma olhada no TED do JR, aqui vai: