Bolsa de segurança

De utilização interior e com bloqueio por radiofrequência

A nossa recomendação é a bolsa de segurança da Yisama. Trata-se de uma boa ideia, como solução discreta para o nosso “kit” de emergência. Oferece também uma proteção extra por radiofrequência para salvaguardar os nossos documentos essenciais: Passaporte, cartão de cidadão e cartões, estarão seguros sem que seja possível a extração de dados sub-repticiamente enquanto estejam no interior da bolsa…

Pode comprar uma unidade por apenas 14,00 euros neste link. Disponível em duas cores.

Embora possa colocá-la no exterior à vista, não é recomendável fazê-lo, uma vez que um assaltante experiente pode com facilidade abri-la. Quando viajamos, devemos levar os meios de pagamento e documentos distribuídos entre a bolsa de segurança e os sítios habituais e, quando estamos no destino, uns ficarão no cofre do hotel e outros acompanham-nos na bolsa de segurança.

Por exemplo: se no país de destino é requerido visto de entrada, devemos ir sempre munidos de passaporte. Neste caso, levamos na bolsa de segurança o passaporte, a carta de condução à mão e o cartão de cidadão fica no cofre do hotel. Com os cartões de débito/ crédito, colocamos um na bolsa de segurança apenas para emergências.

Outro elemento recomendável colocar na bolsa de segurança, é um cardphone[Espanhol] apagado, para não consumir bateria. Pode consultar informação sobre uma estratégia para a gestão de comunicações em deslocação no estrangeiro, no seguinte artigo [Espanhol]:

Em relação a dinheiro a levar em viagem, devemos prever um montante adequado ao país e à nossa condição. Uma combinação habitual será levar uma nota de mais valor em euros ou dólares americanos e notas pequenas de moeda forte e de moeda local.

Se necessitamos de algum medicamento, podemos também inclui-lo como complemento na bolsa de segurança. Seja sensato, preveja uma quantidade para prevenir situações de emergência e não confunda a bolsa de segurança com uma “farmácia” ambulante..

Em qualquer caso, se levar consigo medicamentos, não se esqueça de incluir a receita médica na bolsa de segurança, pois será imprescindível em alguns países.

Será importante evitar levar objetos cortantes ou que possam ser considerados armas, para não ter problemas com autoridades locais, como para evitar algum ferimento em caso de queda ou movimento brusco. O mesmo critério se aplica para embalagens, canetas e outros.

Em caso de dúvida, pedido de informação adicional ou se pretender partilhar a sua experiência, utilize os comentários.

Para aprofundar o seu conhecimento sobre procedimentos e medidas de segurança poderá frequentar cursos de formação connosco ou contratar os nossos serviços de consultoria.

Estamos especializados em segurança de pessoas e empresas com atividade internacional e dedicamos especial atenção à segurança da mulher em atividade profissional.


Recordem o nosso lema:

«A segurança é como a água. Pensas nela quando tens sede. »

Vão esperar? Enviem-nos a vossa consulta para a direção de e-mail:

team@personalsecurity.es

Tão breve quanto possível, enviaremos uma resposta adequada a vossas especificações.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.