Festa na Província

Província Negra
Jun 9, 2019 · 2 min read

Há uma cena em Província Negra que Luiz Gama e seus amigos vão comemorar o lançamento do periódico Radical Paulistano numa festa dos estudantes de direito. É uma cena importante, pois nesta festa, Gama e Saul selam a parceria, mesmo que frágil.

Como seria a festa? Muita coisa podia ser imaginada e criada do nada, mas eu queria que um elemento fosse o mais próximo possível da realidade: a música.

Como era a música na metade do século 19 na província de São Paulo, mais especificamente a música tocada numa festa dos estudantes de direito?

Agora a pergunta parece de formulação fácil, mas dezenas e dezenas de todas as variantes possíveis de questionamentos, o Google não tinha sido generoso comigo.

Mas naquela sexta – deus sabe porque gosto de começar a escrever roteiros às sextas à tarde- e dia de eu pegar a minha filha, resolvi dar um tempo nesta pesquisa e formular outra um pouco mais complexa: qual programa fazer com minha filha de dez anos num final de semana chuvoso? Fugindo do óbvio, fui procurar, ora, música. Corri para o site do Sesc. E o que encontro lá, na primeira entrada, um espetáculo chamado São Paulo, Paisagens Sonoras, 1830–1880.

Image for post
Image for post
São Paulo: Paisagens Sonoras. Costumes de São Paulo, de Johann Moritz Rugendas, 1835. Acervo Itaú Cultural.

O coração pode bater rápido, os olhos podem ficar estáticos. Provavelmente foi assim a minha situação, quando li o descritivo do espetáculo, que era o resultado dos estudos e esforços da professora Anna Maria Kieffer, musicóloga, que simplesmente era uma amostra das músicas provinciais de São Paulo, principalmente dos estudantes de direito

Precisava ver o show, de qualquer maneira. Era naquele final de semana. Apresentação de sábado, ingressos esgotados. Apresentação de domingo, dois ingressos disponíveis.

Mais rápido que uma sinapse de inteligência artificial, comprei os ingressos. Para mim e para minha filha. Ela adorou o bolo de chocolate da lanchonete do Sesc Vila Mariana e dormiu a partir da terceira música, apoiando sua cabeça no ombro, não sem antes me lançar um olhar de piedade e compreensão.

Eu fiquei emocionado com cada música. Vibrei com as letras escritas por Álvares de Azevedo, Bernardo Guimarães, Fagundes Varela, Castro Alves, Paulo Eiró e, principalmente, dos tangos emocionantes de um certo Alexandre Levy, de quem, agora, sou fã incondicional.

Há uma festa na Província Negra. E Luiz Gama e seus amigos estudantes cantam a plenos pulmões A Vida do Estudante.

Ouça aqui alguns trechos de Paisagens Sonoras.

Província Negra

História em quadrinhos que narra um fato ficcional na vida…

Província Negra

Written by

História em quadrinhos que narra um fato ficcional na vida de um personagem real: o jurista e abolicionista Luiz Gama.

Província Negra

História em quadrinhos que narra um fato ficcional na vida de um personagem real, o jurista e abolicionista Luiz Gama. Projeto aprovado no edital da Coordenação de Fomento e Formação Cultural da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo.

Província Negra

Written by

História em quadrinhos que narra um fato ficcional na vida de um personagem real: o jurista e abolicionista Luiz Gama.

Província Negra

História em quadrinhos que narra um fato ficcional na vida de um personagem real, o jurista e abolicionista Luiz Gama. Projeto aprovado no edital da Coordenação de Fomento e Formação Cultural da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo.

Medium is an open platform where 170 million readers come to find insightful and dynamic thinking. Here, expert and undiscovered voices alike dive into the heart of any topic and bring new ideas to the surface. Learn more

Follow the writers, publications, and topics that matter to you, and you’ll see them on your homepage and in your inbox. Explore

If you have a story to tell, knowledge to share, or a perspective to offer — welcome home. It’s easy and free to post your thinking on any topic. Write on Medium

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store