Photo by Drewbird

NÃO FECHE OS OLHOS

Começo a coluna com os times que eu julgo mais interessantes de se assistir nessa temporada da NFL. Quais devem ganhar destaque e o porquê acredito que irão fazer bonito.

O primeiro é o Oakland Raiders (da dupla AC/DC). O Raiders terminou com uma campanha de 7 vitórias e 9 derrotas, acabando em terceiro na AFC WEST, dessa forma, não se classificando para a pós-temporada, porém, depois das movimentações da offseason o time é citado por muitos como um sério candidato a chegar nos playoffs nesta temporada.

Vamos ao time: Começando pela posição mais importante do jogo, o quarterback, o terceiranista Derek Carr já é titular absoluto da equipe e isso não tem discussão. O time parece ter encontrado seu franchise quarterback e resolvido o problema que se arrastava há anos. Carr teve uma temporada muito boa ano passado quando passou para 3987 jardas 32 TDs com 13 interceptações, porém uma estatística que preocupou no signal caller foi a média de jardas por tentativa de passe (apenas 7.0), para efeito de comparação, o líder nessa estatística foi Carson Palmer com 8.7 jardas, contudo, se levarmos em conta que em sua temporada de calouro ele teve 5.5 jardas de média foi uma grande evolução.

Carr em sua temporada de calouro

Para que Carr possa desempenhar seu papel é importante que a linha ofensiva dê tempo ao quarterback. Segundo o site Pro Football Focus, a OL dos Raiders foi rankeada como a 6ª melhor de 2015, a 2ª na proteção para o passe, e soma-se a isso a guard Kelechi Osemele e podemos ter mais um bom ano para o Carr.

Osemele quando ainda atuava por Baltimore

O corpo de recebedores conta com o WR Amari Cooper, que vem para sua segunda temporada na liga, após um bom primeiro ano, onde recebeu 72 passes para 1070 jardas e ainda 6 TDs. Michael Crabtree voltou a ter um bom ano na temporada passada, com 85 recepções para 923 jardas e 9 TDs, Seth Roberts deve jogar no slot.

Cooper e Crabtree os alvos favoritos do QB de Oakland

No backfield o RB Latavius Murray deve continuar como titular da equipe. Ele foi um dos jogadores que passou das 1000 jardas na temporada passada, com 1066 jardas e 4 de média.

A DEFESA

Não há como falar da defesa de Oakland sem citar o monstruoso Khalil Mack, o jogador teve 15 sacks na temporada passada e 77 tackles totais, foi o primeiro jogador escolhido para o All-Pro Team em duas posições no mesmo ano, tanto Defensive End quanto Outside Linebacker, a ancora dessa defesa de Oakland, o terror dos quarterbacks, caminha para se tornar (se já não é) um dos melhores jogadores da liga. O time também conta com o ILB Malcolm Smith (o MVP do SB 48 por Seattle) ainda trouxe o OLB Bruce Irvin, também de Seattle, o cornerback Sean Smith do Chiefs e o Safety Reggie Nelson do Bengals, na free agency. Vindo do draft, destaque para o Safety de West Virginia, Karl Joseph e para o Defensive End de Illinois, Jihad Ward.

Khalil Mack maltratando Brock Osweiler na temporada passada

ST

Nos times especiais, o veteraníssimo Sebastian Janikowski continuará ainda titular por uns 40 anos, Marquette King é o punter da equipe.

PREVISÃO

O Oakland Raiders joga contra a NFC SOUTH e contra a AFC SOUTH, além de RAVENS e BILLS por questão de posicionamento na tabela. O time precisa dar o salto de qualidade esperado esse ano, Derek Carr vem para o seu terceiro ano na liga, mais experiente e definitivamente com um bom time ao seu redor, se Oakland jogasse em uma NFC EAST da vida, com certeza seria favorito ao título da divisão, porém a AFC WEST mesmo com o problema de QB em Denver ainda é uma divisão forte, o calendário pode ter ajudado os Raiders, na NFC SOUTH, exceto o jogo contra Carolina, o time tem ótimas chances de ganhar, além de jogar contra uma AFC SOUTH com um Colts repleto de dúvidas (principalmente na defesa), um Titans ainda abaixo dos adversários, um Texans que ainda não sabe se Brock Osweiler irá corresponder às expectativas e um Jaguars que é um time com potencial mas que ainda não provou nada.

Portanto a minha previsão é entre 9–7 e 11–5, mas acredito que o time vá para os playoffs pelo Wild Card. A partir dos playoffs ninguém é louco de arriscar muita coisa. Se chegar lá provavelmente não vai longe, não obstante, Oakland está no caminho certo da reconstrução do time e daqui 2 ou 3 anos possa alçar voos mais altos (quem sabe até um título, por que não?).