Os discos que ouvi — Parte 3

Eis que acordo hoje e dou de cara com o link para o disco da banda brasiliense Rios Voadores. O álbum foi disponibilizado ontem, ou seja, acabou de sair do forno. Acontece que na hora que dei o play já caí de amores pela guitarra com efeitos psicodélicos e pesados, me transportou para uma outra dimensão. Os pouco mais de 40 minutos de viagem são ensolaradamente maravilhosos.

As melodias e as letras envolventes fazem a gente querer ouvir o disco de ponta a ponta e ainda repetir a ação algumas vezes durante o dia. A voz de Gaivota Neves conquista logo de cara, dá para imaginá-la em cima de um palco hipnotizando a plateia enquanto a guitarra de Marcelo Moura auxilia na hipnose coletiva.O disco só veio para comprovar que além de ótimos ao vivo, são muito bons em estúdio também.

Ainda estou deglutindo tudo o que ouvi, mas posso afirmar que a primeira faixa, intitulada "O Sumiço", já pesca uns bons peixes logo de cara. Que ano para se estar viva e em Brasília!

Se você ainda não conhece este quinteto, corra para fazer isso e não perca o lançamento oficial que vai rolar no Conic no dia 22, vai ser lá no Teatro Dulcina.

Fica aqui também o link para o discaço que ganhou meu coração