Cadernos de leituras

A diferença desta lista de melhores livros para as escolhas do prêmio Jabuti é que só há um jurado e suas idiossincrasias são bem mais desconcertantes

Bravo!
Bravo!
Dec 9, 2019 · 2 min read
José Castello. Foto: Guilherme Pupo

Por Carlos Castelo

Essa época do ano tem dois momentos inevitáveis: as listas dos melhores e Papai Noel. O caso das listas é da mesma família dos prêmios literários, são criadas para movimentar o mercado e estimular as vendas. Papai Noel idem, mas não abordaremos seres míticos criados pela Coca Cola na edição de hoje.

Talvez seja estranho uma coluna como Cadernos de Leituras, tão fora do mainstream, montar o seu rol — mas podemos explicar. Nosso booklist não foi feito para seduzir indivíduos, levando-os cegamente às prateleiras das livrarias. Inclusive porque boa parte das obras elencadas não são sequer lançamentos. Como sabem, o conceito desta página sempre foi “livros que li, estou lendo ou lerei”. Logo, nossa lista não contempla novidades, mas preciosidades. Nela mencionamos romances, contos, livros infanto-juvenis, ensaios, manuais, revistas especializadas, obras de cunho religioso e até dicionários. A diferença para as escolhas do prêmio Jabuti é que só há um jurado e suas idiossincrasias são bem mais desconcertantes que as do conselho de sábios de qualquer outra premiação.

Ficam aqui, portanto, algumas lembranças do que nossas retinas percorreram em 2019. E obviamente a esperança de que em anos vindouros o apreço pela leitura seja bem mais amplo que o atual. No popular: que não tenhamos mais terraplanistas dirigindo bibliotecas nacionais, nem caçadores de satanistas presidindo fundações de artes.

1. Estás Livre no Sábado? António Ladeira, ()

2. Os Contos Maravilhosos Infantis e Domésticos, Jacob & Wilhelm. Editora 34.

3. Os Livros Proféticos — Bíblia (Companhia das Letras)

4. , James Agee e Walker Evans, Companhia das Letras

5. O Espectador Condenado à Morte, Matéi Visniec, ()

6. , Lucas Verzola, Reformatório.

7. — Vários autores — revista Serrote

8. Novo PIP — Dicionário de Provérbios, Idiomatismos e Palavrões em Uso, Claudia Xatara e Wanda Leonardo de Oliveira ()

9. , Caetano W. Galindo. Companhia das Letras

10. Ribamar, José Castello, )

Em tempo: amanhã estarei lançando dois ao mesmo tempo. São eles “Frases Desfeitas” e “Crônica por quilo”. O primeiro contém mais de 1000 aforismos, frases e pensamentos humorísticos de minha lavra. O segundo é uma seleta de 88 crônicas da coluna de mesmo nome que escrevo semanalmente no Estadão. Estão todos invitados a comparecer na Livraria Martins Fontes (Avenida Paulista, 509), das 19 às 21h30.

Revista Bravo!

A Bravo! olha para as fronteiras do fazer artístico, dá acesso à nova arte, dialoga com os artistas e com o público que consome arte, debate tendências e sonha curadorias.

Bravo!

Written by

Bravo!

Esse é o espaço da redação da Bravo!

Revista Bravo!

A Bravo! olha para as fronteiras do fazer artístico, dá acesso à nova arte, dialoga com os artistas e com o público que consome arte, debate tendências e sonha curadorias.

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade