Poética do encantamento

Em "Eu de Você", Denise Fraga dá vida a personagens reais destacando o brilho muitas vezes escondido de histórias comuns

Bravo!
Bravo!
Dec 12, 2019 · 2 min read
Foto: Cacá Bernardes

Por Gabriela Mellão

Denise Fraga inicia seu primeiro monólogo recebendo o público na entrada do teatro. Troca histórias e abraços com os espectadores estabelecendo com eles uma conexão que lhe é cara, e é a própria pulsação de Eu de Você.

O solo nasce da ligação entre o eu e o outro. A dramaturgia de Rafael Gomes, Denise Fraga e do diretor do espetáculo Luiz Villaça tem como matéria-prima histórias de pessoas comuns selecionadas por meio de confissões enviadas para a produção. Denise retrata a vida dessas pessoas com a mesma ternura que acolhe seus espectadores. Como resultado, encontra o extraordinário, inclusive entre vidas banais, entrando e saindo dos personagens escolhidos (inclusive o da própria Denise) num trânsito afetivo permanente, a fim de resgatar a humanidade perdida em um tempo que parece convidar apenas ao isolamento, ao individualismo.

Em oposição ao distanciamento de Brecht, visitado pela atriz em Galileu Galilei, A Visita da Velha Senhora e Alma Boa de Setsuan, o que se tem em Eu de Você é a aproximação de Denise. A atriz não busca a reflexão a partir da quebra da ilusão teatral. Ela não visa a transformação através do rompimento da emoção que vincula público e plateia como buscou o autor alemão, mas, ao contrário, através da comunhão, do afeto.

Se o teatro é o espelhamento da realidade, Denise se empenha em produzir a melhor reflexão possível. Não para deturpar, para amenizar dores ou exaltar alegrias, mas simplesmente para manter-se fiel ao encantamento intrínseco à vida.

— — — —

Teatro VIVO (Av. Dr. Chucri Zaidan, 24600); sexta às 20h, sábado às 21h e domingo às 19h; até 15/12; sexta, R$ 50; sábado e domingo R$ 70; Classificação indicativa: 12 anos

Revista Bravo!

A Bravo! olha para as fronteiras do fazer artístico, dá acesso à nova arte, dialoga com os artistas e com o público que consome arte, debate tendências e sonha curadorias.

Bravo!

Written by

Bravo!

Esse é o espaço da redação da Bravo!

Revista Bravo!

A Bravo! olha para as fronteiras do fazer artístico, dá acesso à nova arte, dialoga com os artistas e com o público que consome arte, debate tendências e sonha curadorias.

More From Medium

More on Teatro from Revista Bravo!

More on Teatro from Revista Bravo!

O futuro é trans

More on Teatro from Revista Bravo!

More on Teatro from Revista Bravo!

A dança de Débora Duboc

44

More on Teatro from Revista Bravo!

More on Teatro from Revista Bravo!

Soma de submundos

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade