#12 EXERCÍCIO DIÁRIO PARA O FINAL DOS VENTOS

Apare suas arestas.

Descubra as curvas
Que fazem 
As suas linhas retas.

Inspire e expire
Três vezes.

De novo.

Sinta o vento…
Ele é o próprio tempo
Passando em você.

Agora, 
Com calma,
Desfaça suas retas.

Aceite as curvas
Da sua estrada.
Pense nas arestas
Que foram aparadas.

Suporte.

Algumas delas
Doem mais. 
Que falta lhe fazem?
Ainda lhe cabem?

Inspire e expire.

Sentiu o tempo
Ventando em seu rosto?

Final dos ventos,
Sinal do tempo.

Já é tempo
De começar 
Tudo de novo.

#umpoemapordia