Aquela menina gorda

Eu sou
Aquela menina gorda
que todos adoravam dizer que tinha um rosto lindo
Só o rosto
Aquela que você queria ser “só amigo”
Que as amigas diziam que era perfeita do jeito que era
mas no fundo

Tinham repulsa

“-Deus me livre ficar gorda daquele jeito!”
“-Já viu as coxas dela? Aquele tanto de celulite!”
“-Tadinha…”

Ninguém queria ser como eu
ou estar comigo

Eu sou
Aquela moça que você gostava
mas tinha vergonha de apresentar aos amigos
Aquela menina super engraçada
tinha que ser
tinha que caçoar de si mesma
sorrir pra não chorar
Aquela menina que se odiava tanto
que não tinha forças pra se olhar no espelho
Que amava a comida
pois as pessoas não a amavam de volta

Carregou o mundo nas costas por muito tempo
por não saber fazer outra coisa

Eu sou aquela garota gorda
que não merecia
toda a repulsa 
que recebia

Clique no ❤ e ajude esse texto chegar a outras pessoas!

Deixe o seu comentário ou nos mande um e-mail para rsubjetiva@gmail.com

Também estamos no Facebook, Twitter e Instagram. Segue a gente!

Quer conhecer nossos autores/as? Entre aqui.

Quer escrever conosco? Entre aqui.