Meu Menino Azul — Semana de conscientização sobre o Autismo

O mundo é um lugar tão cruel
Quantas vezes eu quis 
Te colocar de volta
Dentro do meu útero
Lá eu tinha certeza que estaria
Amado e protegido
Minha criança especial
Eu queria saber o que se passa
Em seu mundinho azul
O que você pensa
Quando está tão distraído
Por coisas simples
O que passa pela sua cabecinha
Quando você me vê em prantos
Com medo do que te aguarda 
Lá fora
E a única coisa que consegue fazer
Já que não entende as lágrimas
É sorrir
E me abraçar
E nesse abraço eu sinto
Um pouco da sua inocência
E por um breve momento
Tenho esperança

Meu​ Menino Azul


Gostou do texto? Clique no ❤ para ajudar na divulgação

Deixe seu comentário, ele é importante para nós. Caso deseje algo mais privado, nos mande um e-mail para rsubjetiva@gmail.com

Não deixe de nos seguir e curtir nas redes sociais:

Não perca nenhum texto, assine a nossa Newsletter: