Uma Crítica à Afrocentricidade de Academia

A Afrocentricidade precisa estar em constante auto-análise para que possa entregar o que promete a própria Afrocentricidade

Maicol William
Jun 13 · 6 min read

se a Afrocentricidade versa sobre valores pretos mesmo, existem poucas coisas mais nocivas a ela que uma academia branc’a

Na teoria do blackmoney, o ideal não era pegar a grana na mão do branc’o pra gastar com preto, manter e fazer circular entre pretos, fazendo uma economia preta, fortalecendo uma economia preta? Mas a bosta não é que a gente não consegue quebrar esse ciclo de pegar o dinheiro deles e imediatamente devolver pra eles, pra ter que trabalhar pra eles pra conseguir esse dinheiro de novo e repetir o ciclo infinitamente?! Ganhar o dinheiro com eles mas gastar tudo de novo dentro do cercadinho deles… é o mesmo sobre o conhecimento. A galera pega o conhecimento com eles mas também só usa dentro do cercadinho deles. Não deveria ser pegar com eles, usar entre a gente e construir o nosso, pra que, assim como no blackmoney, não precisemos mais trabalhar pra eles, pra racistas, e também não precisemos mais nos “educar” com eles, que são racistas?

Eu desconfio da Afrocentricidade de quem vê mais importância em papo furado de academia que em papos sob viadutos e árvores

Quem quer dar um jeito, quem não quer, uma desculpa.

a lógica do genocídio e do colorismo se aplica ao que vocês estão, pela academia, produzindo

E não me venham com papo de “mas nóis não estamos lá pra somar com a academia, estamos pra desconstruir a academia, pra escurecer a academia”. Não venha!! Isso também dizem os esquerdistas e as feministas; que estão ali pra desconstruir, escurecer. Até quem palmita, quando se fala do genocídio via clareamento, fala… “quem disse que estamos clareando? Estamos escurecendo o que é branc’o”. (Tá… tá bom, Cláudia, senta lá!)

revistaokoto

Espaço de divulgação para os textos e reflexões do Kilûmbu Òkòtó

Maicol William

Written by

revistaokoto

Espaço de divulgação para os textos e reflexões do Kilûmbu Òkòtó