O mundo está lá fora…

Slava Bowman — Unsplash

Não sei você, mas vira e mexe me dá uma vontade de pegar a mochila e partir, sem destino. Nem que seja pra um lugar há uma hora de onde eu esteja, o que basta é ver o horizonte.

Me peguei pensando em qual será meu próximo destino que, aliás já escolhi. Mas antes que ele chegue (o que falta certo tempo ainda), há muitas outras coisas pra ver. Já parou pra pensar no mundo que temos lá fora? De quantas culturas e pessoas podemos conhecer, além de sentir sensações únicas? 
É realmente algo incrível. Invejo (de forma boa, tá?!) aquelas pessoas que não pensam nas consequências e se aventuram por aí, pensando na única coisa que basta: viver.

Conheço pouquíssima coisa desse mundão, mas a vontade de estar rodando por ele sem parar, é imensa. Acredito que todos deveriam ter, pelo menos uma vez na vida, a sensação de fazer uma viagem. Não importa se serão coisas simples como ver o mar, ou radicais como surfar em Califa.

O que importa é se jogar no mundo. Frio na barriga e medo? Todos temos. Mas se deixarmos isso tomar conta das nossas ações, a gente não faz absolutamente nada.
Consequências? Sempre terão, fato! Mas com jeitinho, você consegue fazer com que elas sejam as minímas possíveis e assim conhecer o mundo que está lá fora.