Mais da metade das PMEs sofreu algum incidente de segurança no último ano

Phishing e Malware são os ataques mais comuns

Cerca de 53% de todas as Pequenas e Médias Empresas (PMEs) foram afetadas por algum tipo de violação de segurança no último ano, segundo um relatório divulgado recentemente, que também aponta que apenas 56% das violações são investigadas.

Segundo os responsáveis pela pesquisa, segurança cibernética deve se tornar parte integrante de todas as operações de negócios, incluindo vendas. Empresas de pequeno e médio porte relataram que 29% das violações custam à empresa menos de US$ 100.000 e 20% dizem que o custo está entre US$ 1.000.000 e US$ 2.499.999.

PMEs são alvos constantes de campanhas de phishing e malware e, em última instância, ransomware. Pequenas e médias empresas não estão tão preocupadas com os ataques de ransomware quanto as grandes empresas, que são mais propensas a pagar o resgate e continuar seus negócios o mais rápido possível, evitando paralisações do sistema e graves interrupções nos negócios.


Artigo originalmente publicado no aplicativo Tempest Soundbites, disponível para clientes da Tempest em versões para Android e iOS. Para obter uma credencial, fale com seu gerente de relacionamento.