Uma ideia para os “não lugares”

Por Caio Esteves

Todos já estivemos em algum “não lugar”. Aeroportos, cadeias de hotel, rodoviárias… você sabe como são. Mas o que define um “não lugar”? é mais fácil pensarmos no que compõe um lugar: para a geografia humanista, é um espaço dotado de significado pelo homem.

ESPAÇO + IDENTIDADE= LUGAR

ESPAÇO — IDENTIDADE= ESPAÇO

Todos esses espaços transitórios, onde, se nos colocassem de olhos fechados, não saberíamos em que parte do mundo estaríamos, são “não lugares” clássicos. Quem já viajou seguidamente a trabalho, e se hospedando na mesma cadeia de hotéis pelo país ou mundo, já se deparou com a sensação estranhíssima de acordar e não saber em que “lugar” se está. Essa impressão se dá, talvez, pelo fato de realmente você não estar num lugar, e sim num lapso temporal-espacial.

Na minha última aula sobre place branding no MBA, discutimos sobre como os hotéis poderiam se beneficiar com sua prática. Na hora eu pensei só em uma experiência local dentro do hotel, algo como uma pitada de “identidade” local dentro do hotel. Isso obviamente soou estranho dado ao modelo de negócio replicável e escalável das redes de hotéis.

Hoje, depois de duas viagens a estados diferentes em três dias, e depois de jantar sozinho mais uma vez em um enorme restaurante com cara de nada, tive a seguinte ideia: restaurantes decentes e vibrantes!

Mundo afora os hotéis entendem o restaurante como um negócio; no Brasil, a impressão que tenho, pelo interiorzão e pelas capitais também, é que o restaurante é um mal necessário, e isso é claramente percebido quando levamos em conta a comida ruim, serviço fraco e o mais importante no nosso caso: nenhuma identidade! Um restaurante é muito mais fácil de adaptar e de customizar do que todo um hotel ou rede de hotéis. Trazer vida ao sem-graça é uma boa ideia embrionária para colocar alguma vibração no lugar e tirar aquela “cara de nada”.


Quer saber mais sobre place branding? Então conheça o primeiro livro brasileiro sobre o assunto, escrito por Caio Esteves, autor deste texto. Clique na imagem abaixo e garanta o seu!