Conheça os benefícios da sapatilhas no pedal

O modelo correto ajuda o ciclista a não desperdiçar energia, além de proporcionar estabilidade e rendimento

A sapatilha de ciclismo é um dos acessórios que está caindo no gosto dos praticantes desse esporte. Muitos começam a pedalar incentivados por amigos ou familiares, mas, de repente, aparecem novos desafios e o interesse por novos equipamentos.

Uma das principais características que difere o “tênis comum” da sapatilha é que elas proporcionam um aproveitamento maior, pois os pés ficam totalmente presos ao pedal, garantindo um movimento mais redondo.

Conheça alguns modelos:

Speed.
Esse modelo possui os taquinhos maiores e no formato triangular, ou seja, com 3 pontos de apoio. São consideradas mais rígidas e leves possuindo um encaixe mais firme.

A ideia é proporcionar um maior rendimento e conforto no asfalto tanto nos sprints quanto nos pedais mais longos. O ponto negativo é o taquinho mais alto que o normal dificulta no caso de o ciclista ter que caminhar e empurrar e bike por algum imprevisto.

Mountain Bike.
Diferentemente do modelo speed, essas sapatilhas são menos rígidas e possuem mais arranhaduras. Seu solado protege um pouco mais o taquinho, já que nessa modalidade muitas vezes os ciclistas precisam empurrar a bike por trechos de mato, lama, cascalho e etc.

Estilo tênis.
O modo de clipagem é o mesmo que o da sapatilha de mountain bike e além de possibilitar um bom desenvolvimento na pedalada, o calçado é muito confortável, pois tem um solado mais alto.

Esse modelo possibilita uma caminhada mais tranquila, sem raspar o taquinho facilitando a vida do ciclista, pois não precisa levar mais um tênis na bolsa.

Dicas interessantes:

  • Treine bastante o encaixe e desencaixe do pedal em um lugar tranquilo.
  • Para encaixar os pés nos pedais, não tem muito segredo, basta pressionar o taquinho da sapatilha contra o pedal.
  • Uma das maiores dificuldades é no momento de retirar o pé do pedal. Muitos tombos acontecem nesse momento. Deslize o pé para a lateral de dentro ou de fora para que ele desencaixe do pedal.
  • É indicado reduzir a velocidade para retirar os pés.
  • Não tente fazer com os dois pés ao mesmo tempo, retire um pé depois o outro.
  • Taquinhos com pedras, torrões de terra atrapalham na hora da clipagem. Mantenha o equipamento limpo.

Gostou das dicas? Nós QUEREMOS criar uma comunidade de Mundial de Bikers: SKINNY WORD! Onde você, Bike Lover, é o centro desse Universo! Nós CRIAMOS uma solução para isso: SKINNY.BIKE!

Like what you read? Give Skinny.bike a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.