Os investimentos não pararam, e a SMU está pronta para voltar a acelerar

SMU Investimentos
Apr 23 · 5 min read
Image for post
Image for post
Avenidas vazias, mas investimentos acontecendo. Photo by David Bruyndonckx on Unsplash

Era 9h da manhã em ponto, os três amigos já estavam no banco e trocando e-mails para se encontrarem para o café da manhã. Fizeram seus pedidos em silêncio: Eu um capuccino grande, R.R. seu pão na chapa, expresso e um suco de laranja e L.F.F. seu café curto forte. O assunto naquele dia não podia ser outro. Será que o mercado vai voltar depois de cair tanto? As empresas vão quebrar? O que os governos estão fazendo será suficiente? Quando isto vai acabar? Não tínhamos respostas, apenas conjecturas, mas uma delas mais arrojada dizia que talvez o mundo se estabilizasse num novo patamar de consumo e preços. Algo mais racional e cuidadoso.

Não foi bem isso o que vimos após 2008, alguns controles foram implementados, bancos ficaram com balanços mais saudáveis, mas o mundo logo voltou ao normal, deixando a história do tudo vai mudar para trás.

Nomes ocultados, mas eu era um destes analistas, angustiado com esta crise, vivendo-a de dentro de um dos 4 grandes bancos brasileiros. Havia acabado de passar uma época de grande euforia com a bolsa de valores, cursos sendo ofertados como água e recorde de investidores PF via homebroker. Quase tudo que você comprava subia e dava algum lucro. O sinal de que algo não estava certo ocorreu ao tentar comprar um carro à vista e o vendedor me dizer: Compre parcelado no leasing e invista o seu dinheiro na bolsa, você terá dois carros em 2 anos, é muito fácil… Nos anos seguintes vimos o primeiro grande teste da lei 11.101/2005, lei de Recuperação Judicial e falências. Este então recorde de empresas em dificuldades só foi superado no período compreendido entre 2015 a 2017, quando grandes corporações elevaram os montantes para cifras multibilionárias de endividamento.

Agora em 2020 a crise é bem diferente, está sendo mais aguda, em todo o mundo praticamente ao mesmo tempo e não teve origem no mercado financeiro, mas sim num problema de saúde ainda sem cura, como previu Bill Gates em seu TED Talk em 2015: Não estávamos preparados para isto.
O que virou rotina foi novamente escutar que “o mundo não será mais o mesmo”, por isso me fez lembrar de quase 12 anos atrás relatado no início do texto. Ninguém sabe, como disse Howard Marks em 2008 e agora tornou a repetir o título do famoso seu e-mail aos cotistas de seu fundo. Realmente ninguém sabe, porém o que nós da SMU Investimentos já podemos evidenciar com base em números de março e início de abril deste ano foi:

Os investimentos não pararam

A SMU investimentos conseguiu concluir a captação da 100Foods com um volume captado em março e abril 3x superior ao captado em fevereiro, mostrando que o investidor em startups entende que é um ativo ilíquido, de risco x retorno elevados, mas também de longo prazo, pouco afetado pelo momento atual. Aurratech está aproveitando a crise como ninguém, é destaque no combate real ao Covid-19 no Brasil e no mundo. Outras ofertas de outras plataformas de crowdfunding também foram bem sucedidas neste período, podemos citar a oferta imobiliária da plataforma Glebba como mais um exemplo de captação bem sucedida.
Fundos de Venture Capital investiram milhões em CargoX, PetLovers, SanarMed, Airbnb em meio a este turbilhão. Nem os investimentos em startups pararam. É na crise que surgem as grandes oportunidades.

A XP investimentos comunicou que continua captando R$10bi/mês mesmo após o início da crise, o que reforça a experiência do investidor em analisar preço x valor, saber separar o que é racional do que é irracional nas negociações de ativos financeiros. É uma excelente notícia pois o investidor da XP e de demais plataformas como também a Genial, é o mesmo investidor da SMU investimentos.

Outra evidência de que os investimentos não só não pararam, mas também aumentaram é a quantidade de novos CPFs cadastrados na B3 em março. Foram mais de 300 mil novos, totalizando 2,2 milhões de investidores cadastrados. Nossa leitura sobre este número é que o mercado e as pessoas evoluíram nestes 12 anos. Mais uma boa notícia.

Talvez o mundo não mude tanto assim para todos

Até o momento não encontramos nenhum novo padrão de mudança no mercado de capitais. Encontramos assimetrias, incertezas, altíssima volatilidade e idiossincrasias como por exemplo o atual preço do petróleo. Isto acontece no olho de todo o furacão, foi assim nas crises. Luis Stuhlberger disse isto recentemente usando outras palavras. E assim como em 2008 e anos seguintes, entendemos que a mudança poderá não ser como muitos estão afirmando com tanta certeza. Entendemos que poderá haver uma aceleração da digitalização da economia, bem como uma maior atenção para o cuidado com pandemias e com certeza diversos problemas para serem resolvidos ao longo dos próximos 3 à 8 anos. Desde disputas contratuais, recuperações judiciais, endividamento de diversas nações e até um grande braço de ferro entre China e EUA.

Planejando-se para a crise, analisando os investimentos e os novos comportamentos que podem surgir, a SMU agiu rápido. Nós reduzimos custos e a freamos parte da operação logo na primeira quinzena de março e agora estamos preparados para a retomada. Estamos mais experientes e atentos ao nosso caixa, ao valuation e modelo de negócio das empresas que selecionamos para investir e ofertar na plataforma aos nossos clientes investidores. Isto nos fará uma plataforma ainda melhor, com melhores oportunidades e extremamente competitiva frente aos nossos concorrentes.

Estamos passando pelas chicanes da grande reta da tradicional corrida de 24h de Le mans e, numa curva, mais importante do que deixar para frear em cima para tentar ganhar tempo, é saber frear no momento correto para conseguir acelerar antes e mais forte que seus concorrentes.

Image for post
Image for post
Frear antes para acelerar primeiro. Photo by Philip Veater on Unsplash.

Uma coisa temos certeza: A inovação continuará, bem como as oportunidades de investimentos nelas. No início de maio teremos novas ofertas e estaremos novamente acelerando.

Rodrigo Carneiro
CEO da SMU investimentos |
www.startmeup.com.br

Blog da SMU

Nossa paixão é financiar os grandes negócios do futuro via Crowdfunding de Investimentos.

Medium is an open platform where 170 million readers come to find insightful and dynamic thinking. Here, expert and undiscovered voices alike dive into the heart of any topic and bring new ideas to the surface. Learn more

Follow the writers, publications, and topics that matter to you, and you’ll see them on your homepage and in your inbox. Explore

If you have a story to tell, knowledge to share, or a perspective to offer — welcome home. It’s easy and free to post your thinking on any topic. Write on Medium

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store