Max Martin é o melhor produtor que você respeita e precisa defender!

Muitas vezes subestimado por conta de sua parceria frequente com Dr. Luke, que costumava levar o crédito pelos grandes sucessos que produziam juntos, Max Martin é um dos maiores produtores do milênio e um hitmaker como poucos.

Responsável por clássicos, como as icônicas estreias de Britney Spears com “…Baby One More Time” e Katy Perry com “I Kissed a Girl”, Karl Martin Sandberg tem conseguido se manter relevante por mais de duas décadas.

Vencedor do ASCAP Pop Music Awards de ‘Melhor Compositor’ por 10 vezes, o produtor sueco possui ainda cinco Grammy Awards, além de ter sido indicado ao Globo de Ouro e OSCAR. No entanto, seu feito mais impressionante é na Billboard Hot 100!

Atrás apenas de George Martin, o lendário “quinto membro dos Beatles”, Max Martin é o segundo produtor com mais singles que atingiram o topo da parada norte-americana na história.

Incluindo músicas de Britney Spears, NSYNC, Katy Perry, P!nk, Kelly Clarkson, Maroon 5, Taylor Swift, The Weeknd e Justin Timberlake, foram 22 canções em 17 anos (sete foram barradas em #2). Detalhe: cinco delas debutaram direto no topo da Billboard.

1999 — “…Baby One More Time” (Britney Spears)
2000 — “It’s Gonna Be Me” (NSYNC)
2008 — “I Kissed a Girl” (Katy Perry)
2008 — “So What” (P!nk)
2009 — “My Life Would Suck Without You” (Kelly Clarkson)
2009 — “3” (Britney Spears)
2010 — “California Gurls” (Katy Perry featuring Snoop Dogg)
2010 — “Teenage Dream” (Katy Perry)
2010 — “Raise Your Glass” (P!nk)
2011 — “Hold It Against Me” (Britney Spears)
2011 — “E.T.” (Katy Perry featuring Kanye West)
2011 — “Last Friday Night (T.G.I.F.)” (Katy Perry)
2012 — “Part of Me” (Katy Perry)
2012 — “One More Night” (Maroon 5)
2012 — “We Are Never Ever Getting Back Together” (Taylor Swift)
2013 — “Roar” (Katy Perry)
2014 — “Dark Horse” (Katy Perry featuring Juicy J)
2014 — “Shake It Off” (Taylor Swift)
2014 — “Blank Space” (Taylor Swift)
2015 — “Bad Blood” (Taylor Swift featuring Kendrick Lamar)
2015 — “Can’t Feel My Face” (The Weeknd)
2016 — “Can’t Stop the Feeling!” (Justin Timberlake)

Tendo Perry e Swift como suas maiores colaboradoras — a primeira com oito singles e a segunda com cinco singles — Martin vem acumulando pelo menos um single em #1 desde 2008. Infelizmente, essa invencibilidade pode chegar ao fim.

Com o fraco desempenho dos singles de ‘Witness’, do qual foi produtor-executivo, Max parece ter perdido uma grande aliada para chegar ao topo novamente em 2017. Como plano B, ele trabalhou em projetos com Taylor Swift, Justin Timberlake e Maroon 5 que devem sair ainda neste ano.

Pode parecer bobagem, mas agora que Lukasz Gottwald (aparentemente) caiu, precisamos de alguém para gritar “Que hino!” sem medo de aplaudir quem não merece.


Atualização (05/09): A publicação foi atualizada para anunciar que Taylor Swift pode salvar o ícone. Com o lancamento de “…Ready For It?”, a cantora pode conquistar o tão aguardado #1 de Max Martin em 2017.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.