Zara Larsson, ‘So Good’

Zara Larsson iniciou a empreitada para lançar seu segundo álbum de estúdio há quase dois anos com “Lush Life”. A canção se tornou um sleeper hit e acabou elevando o sucesso da cantora sueca para um nível mundial.

Depois de adiar seu lançamento diversas vezes e ter outros quatro singles promovidos, ‘So Good’ finalmente foi lançado na última semana. A boa notícia é que a espera valeu a pena.

O primeiro álbum internacional de Zara Larsson é um dos melhores lançamentos pop dos últimos meses, e podemos creditar isso ao empenho dos produtores e ao excelente ouvido de Larsson na hora de escolher suas músicas.

Uma grande coleção de potenciais hits, principalmente se você considerar que seis de suas faixas foram lançados antes do álbum, ‘So Good’ possui tudo que um bom álbum pop deve ter. Temos uma abertura interessante, uma ótima sequência de canções, praticamente nenhuma filler e produções que poderiam funcionar nas rádios em diferentes momentos.

Ao longo das 15 faixas, Zara investe no pop dançante em faixas como “I Would Like”, “TG4M”, “Sundown” e “Ain’t My Fault”, outras mais melódicas como “Only You”, “So Good”, “Don’t Let Me Be Yours” e “One Mississipi” e até a cota emotiva com “Funeral” e “I Can’t Fall in Love Without You”.

Em um resumo, ‘So Good’ é uma ótima introdução de Zara Larsson ao grande público, cumprindo o papel de mostrar o quão versátil ela consegue ser, sem tentar ser quem ela não é.

Álbum: ‘So Good’
Singles: “Lush Life”, “Never Forget You”, “Ain’t My Fault”, “I Would Like”, “So Good”, “Symphony”
Videoclipes: “Lush Life”, “Never Forget You”, “Ain’t My Fault”, “So Good” e “Symphony”

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.