Mercados financeiros são só para “génios”

Frederico Contente
Apr 23 · 3 min read

Acredito que todos somos capazes de fazer o que quisermos com sucesso se aplicarmos a quantidade adequada de esforço e dedicação. Claro que as qualidades inatas e capacidades de cada um são fatores importantes a considerar, mas, com a dedicação e trabalho adequados, acredito que todas as pessoas podem atingir quase todos os objetivos a que se proponham. Podem alcançá-los mais rápida ou mais lentamente, necessitarem de mais ou menos treino, mas não acredito que alguém que se entregue com dedicação a um objetivo e não o faça. O mesmo se poderia dizer sobre aprender a tocar piano, por exemplo.

Não tenho dúvidas de que o mesmo se aplica ao trading de mercados financeiros. Se alguém coloca um objetivo de aprender trading e dá os passos corretos, vai conseguir fazê-lo.

Contudo, existe o mito acerca do trading e dos mercados financeiros de que somente para pessoas geniais e com grande conhecimento sobre este mundo é que têm sucesso. O facto de os grandes grupos financeiros não estarem interessados em divulgar a mensagem de que os mercados estão acessíveis a toda a gente tem como consequência faz com esta não seja divulgada pelos meios de comunicação social.

Pela minha experiência, aprendi que os mercados não são difíceis ao ponto de serem somente para um grupo restrito de indivíduos. Lembro-me de começar o meu caminho nos mercados financeiros e pensar que, se há tenta gente a operar em trading, tem de ser fazível; se levei anos na universidade e mais uns anos a trabalhar para ser um bom profissional, não seria possível ser trader em apenas algumas semanas ou meses. Por essa altura, quando olhava para trás, via que, para o meu trabalho, eu tinha estudado com ajuda de professores, lido livros, feito exames, trabalhos de grupo e, quando comecei a minha carreira profissional, aprendi com os meu colegas antes de me serem atribuídas maiores responsabilidades. Pensei que, se o trading é um trabalho como qualquer outro e não é um jogo de casino, teria que avançar passo a passo e, para ser bem sucedido, seguir um método parecido ao que apliquei no trabalho.

Com este objetivo em mira, comecei a fazer cursos de trading, a aprender com mentores, a ler livros, a ver o que outros traders faziam e aprender com eles. No meu emprego anterior tive colegas que eram muito bons mas eu não trabalhava como eles, não tínhamos a mesma maneira de trabalhar, por isso não havería um só trader ou estratégia que seguir. Para evoluir, eu tinha que entender outros pontos de vista e maneiras de operar para encontrar a minha maneira de trabalhar. Outro ponto importante e que sempre ouvimos falar nos nossos empregos é que temos que estar sempre a aprender com outros e com a sua experiência. Então porque o trading sería diferente?

Nem todos os traders vão ser bilionários, nem todos vamos querer ganhar dinheiro e liberdade com os mercados, mas, se o quisermos, todos temos a capacidade de o fazer. Fazer trading em mercados não é só para “génios financeiros”.

Steer school

The indie school of trading

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade