DEPOIMENTO

Transtorno de ansiedade: Sofrimento profundo antes do tempo

Sempre fui uma pessoa* ansiosa, a ansiedade é uma coisa boa e todos nós precisamos dela em nossas vidas. O problema começa quando ela se torna um excesso, e foi assim, há mais ou menos um ano e meio, que a ansiedade se tornou tão frequente, tão forte, que começou a tomar conta da minha vida. 
A ansiedade, se não tratada de forma correta, pode evoluir para casos mais sérios, e foi assim que ganhei de “presente” a depressão, que é uma das consequências da ansiedade.

É como uma dor de cabeça que eu insisto em dizer que é temporária, que vai passar, que é só mais um dia ruim. Mas não é. Eu estou presa nesse estado mental, sou obrigada a colocar uma máscara social e viver em meio às pessoas. Mas o problema não passa e eu luto para levantar todos os dias. Às vezes, só quero me isolar de todo mundo e ficar no meu canto, porque as pequenas coisas que me alegravam hoje são sem importância.

Há uma parte de mim que quer fazer as coisas direito, uma pequena onda de positividade me faz querer sair e encontrar meus amigos, mas isso tudo passa rapidamente e no fim eu decido ficar sozinha na minha zona de conforto, onde ninguém faz nenhuma pergunta.

Por que continuar tentando se nada me faz feliz? Essa é uma pergunta que eu me faço todos os dias.

*O entrevistado preferiu manter o anonimato.