Viver em comunidade

Estudo sugere que crianças que acampam vão melhor na escola

O estudo foi realizado pelo Instituto de Educação da Universidade de Plymouth, UK, com a colaboração do Camping and Caravanning Club, instituição do Reino Unido com mais de 500.000 membros. E partiu de conversas com os pais. Quatro em cada cinco disseram que os acampamentos tinham um efeito positivo sobre a educação dos filhotes. 98% disseram que os filhos se conectavam à natureza; 95% que os filhos ficavam mais felizes e 93% que o camping ajudava no desenvolvimento denovas habilidades.

Outros também disseram que depois de acampar seus filhos ficavam menos dependentes de tecnologias como celulares e video games. Já a professora Sue Waite, quem coordenou o estudo, conclui que“o interessante é que os pais acreditam que o acampamento ajuda na compreensão do currículo escolar nas matérias de Geografia, História e Ciências. E na verdade isso acontece porque as atividades de camping mais comuns são naturais — como procurar plantas e animais escondidos em pedras e árvores e trilhas em meio à natureza — onde as crianças conseguem entender melhor os ecossistemas e identificar as formas de vida, respeitando assim a natureza e o meio ambiente”.

Já os pequenos contam que a parte preferida é conhecer novos amigos e brincar ao ar livre. Afinal, coisas de criança. Mas o legal aqui é perceber o quanto sair da zona de conforto é importante para eles. Sem dúvida, as atividades e convivência em grupo e ao ar livre são transformadoras!

Fonte: Nômades Digitais

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.