Tecnologia Transmorfa mudará o trabalho como o conhecemos

Em uma palestra do Tedx, o designer de interação Sean Follmer apresentou a tecnologia Transmorfa na qual vem trabalhando. A tecnologia transmorfa, é uma interface tridimensional que se aproveita da riqueza de movimentos que o corpo humano é capaz de realizar. Link para o vídeo:

O homem pré-histórico já fabricava interfaces para suas ferramentas do dia-a-dia. Com o passar dos anos, essas interfaces foram aprimoradas para dar mais conforto à experiência de uso. Com a invenção dos computadores, designers começaram a criar interfaces para o meio digital, porém essas interfaces não possibilitam o uso do corpo humano como meio de interação e também tem sempre a mesma forma.

Observando isso, Sean Follmer e seus colegas Daniel Leithinger e Hiroshi Ishii desenvolveram a InFORM, uma interface 3D que dá a possibilidade ao usuário de interagir de forma tátil. A InFORM basicamente pode mudar sua forma de acordo com as ordens do usuário, criando informações 3D que podem ser compartilhadas em tempo real.

Até hoje as interfaces digitais pedem que o usuário se adapte a sua forma e as suas regras, enquanto que a InFORM faz justamente o contrário. Ela se molda de acordo com as necessidades e desejos do usuário.

Outra interface criada por Sean Follmer é a TRANSFORM, que é uma mesa inteligente que se adapta de acordo com a tarefa que o usuário irá executar. Por exemplo, nas casas geralmente temos mesas para várias utilidades: alimentação, trabalho, lazer. Porém existem diferenças entre almoço e janta, trabalhar com computador e trabalhar com papel, tomar chá e jogar Uno. A TRANSFORM consegue se adaptar pra cada uma dessas necessidades.

Acredito que as Interfaces 3D tem um futuro promissor, pois hoje estamos desenvolvendo microtecnologias, como mesas e aparelhos celulares. Mas podemos começar a pensar em mudar coisas maiores que se adaptam as nossas necessidades como veículos, construções e cidades.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.