Lucas Pouille. Fonte: Thomas Niedermuller/Getty Images

Review: Prince Textreme Tour 100P

T. Tamagusko
Sep 17, 2017 · 3 min read

Olá pessoal, hoje apresento o review de uma raquete da linha Textreme da Prince. Como de costume, vamos iniciar pelos pontos fortes e fracos desta raquete:

Configuração utilizada no teste:

Corda: Volkl Cyclone 1.20 48 Lbs
Grip: Leather Grip Solinco
Overgrip: Yonex Super Grap
Antivibrador: Sem antivibrador

Trocas de bola:

A Prince Textreme Tour 100P se comporta muito bem nas trocas de bola, sendo muito sólida. Você pode partir para golpes agressivos mais planos ou buscar um giro extra proveniente do spin, sendo assim, a raquete entrega o que você propor a ela. O peso é médio e o swingheight não é elevado, portanto, a raquete é ágil, mais do que a maioria das raquetes cabeça 100″ que tive a chance de testar. Deste modo, temos uma raquete firme, excelente para ser utilizada a partir da linha de base.

Saque:

Os saques da 100P são bons, principalmente o primeiro saque, que costuma ser bem pesado. O sweetspot amplo e o controle proporcionado por esta raquete facilita bastante saques chapados, gostei também dos saques com efeito slice. No saque com topspin senti um pouco de falta daquele efeito puxando a bola para baixo, falta um pouco de spin (ou técnica =).

Retorno do saque:

A raquete é bastante manuseável, tem um sweetspot amplo, se comportando muito bem nas devoluções, por ser uma raquete muito sólida, ela é excelente para segurar saques pesados.

Voleio:

Na rede a Textreme Tour 100P é excelente, seu balanceamento voltado para o cabo aliado a estabilidade transformam essa raquete em uma ótima raquete para duplistas ou para quem gosta de voleiar. Essa raquete faz muito bem a transição do fundo da quadra para as redes.

Slice:

Os slices são excelentes na 100P, tanto os golpes defensivos quanto os ofensivos são bons, o golpe não costuma flutuar, e dá para causar alguns estragos com slices baixos e profundos.

Conforto:

Aqui está a cereja do bolo da Prince Textreme Tour 100P, ela é extremamente confortável, tem um bom peso, balanceamento para o cabo e é muito sólida. Portanto, é uma das minhas recomendações de raquetes confortáveis, quem tem problemas no braço/ombro deve dar uma testada nesta raquete.

Finalizando:

Gostei muito dessa raquete, ela é uma raquete diferente, tem cabeça grande, padrão de cordas 18×20 (bem aberto), balanceamento para o cabo e rigidez baixa. Não é uma linha padrão que estamos acostumados, ela é um híbrido. O único porém da Textreme Tour 100P é que as vezes falta um pouco de potência, mas isso é natural para raquetes com RA baixo e padrão 18×20. Achei muito interessante a coragem da Prince de não lançar mais do mesmo, como normalmente se vê no mercado. Ainda, devo mencionar que gostei muito do feel de todas as raquetes da linha Textreme que testei, são excelentes, a Prince realmente acertou desta vez.

Para facilitar a visualização, segue uma tabela com as notas:

Especificações:

Tamanho da cabeça: 100″
Comprimento: 68,58 cm
Peso (encordoada): 322 g
Equilíbrio: 7 HL
Swingweight: 321
Rigidez: 62
Espessura: 22,5 / 23,5 / 21 mm
Padrão de cordas: 18 x 20

Resumo:

Raquete muito confortável, com feel e controle excelentes.

E você, joga com a Prince Textreme Tour 100P?

Muito obrigado por acompanhar o blog TL e até o próximo review!

Obs: O cabo das raquetes Prince é mais quadrado que o usual das outras marcas, portanto, você pode estranhar no início.

Tenislab

O laboratório do tenista.

Tenislab

Reviews de raquetes de tênis, cordas e acessórios.

T. Tamagusko

Written by

PhD student in Transportation Systems. Enthusiast of ML, programming, and active mobility. Amateur tennis player. linkedin.com/in/tamagusko

Tenislab

Reviews de raquetes de tênis, cordas e acessórios.