[MST3K] A Farsa do Jornaleiro Sessentão e o Adolescente Desconstruidão

No programa ‘Mystery Science Theater 3000’, Joel Robinson e seus dois amigos robóticos, Tom Servo e Crow T. Robot eram forçados pelo malígno cientista, Dr. F. a assistir filmes horríveis enquanto isolados na imensidão do espaço. Com o fim da série, foram contratados por este blog e forçados a ler as mensagens que pululam em nossos Facebooks e Whatsapps. Vivem chorando que eram felizes e não sabiam.

Mr. T. : E aí, gente boa?! Tenho um presentinho especial para vocês!

Joel : Não é outro texto sobre um país que vendeu a copa pra outro país não, né?!

Mr. T. : Claro que não, desta vez é algo diferente, é uma Fanfic política!

Tom : O que vem a ser isso?

Mr T. : Uma história que se propaga pela internet e que tem como objetivo ensinar uma lição de moral orientada a uma determinada ideologia política. Tal história é supostamente ambientada no mundo real, porém seus personagens se comportam como se não pertencessem nem à realidade, nem ao planeta Terra.

Crow : Explique melhor.

Mr. T. : Pense na linda mensagem ecológica trazida pelo filme ‘O Fim dos Tempos’.

Joel, Tom e Crow : OOOOOOHH NÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃO!!!!!!!!

Mr. T. : Divirtam-se.

Manas, estava eu carregando meus créditos em uma banca de jornal

Joel : Tipo assim, mana! Pá num ficá na mão quando us homi ligá preu fazê uns “corre”! Tá ligado?!

Tom : As MANA POW!!

Crow : OS MINO PÁ!!

E um adolescente, de idade colegial, entrou pedindo “revista de mulher pelada”.

Joel : [Jornaleiro] : Garoto, você já ouviu falar de “internet”?

Tom : Vai saber! Tem gente que é viciada em “cheiro de papel”.

Crow : Especialmente depois que a revista é “usada”.

Joel e Tom : AAAAAARRRGGHHHHHHH!!!

O dono do local, de seus 60 anos, apontou a seção que ficam as Playboy, Sexy e outras revistas misóginas. Eu já ia me intrometer.

Joel : [Menina] : Ô tio! Dá pra atender esse punheteiro depois e me vender a recarga que eu vim comprar, que eu tava aqui primeiro?!! Fassavô!!!

Tom : [Jornaleiro] : Não conheço essa tal de “Revista Misojina”?! É nacional ou importada?

Quando veio a grande surpresa.

Tom : Era uma pegadinha do Mallandro?!!

Joel : Uma pessoa comprando revista erótica na banca ja é, por si só, uma surpresa INCOMENSURÁVEL!

O rapaz, do alto de seu sorriso no canto da boca, me alivia a alma falando : “Não, eu quero mulher de verdade,

Joel : “E lá se foi o plano do jornaleiro de liquidar, por um preço altíssimo, o investimento que fizera nas Playboys da Roberta Close”.

Tom : [Jornaleiro] : Rapaz! Mulher de verdade você vai encontrar lá na esquina de baixo. E elas cobram caro!!

Crow : E com certeza vão pedir seu RG!

Tom : [Menina] : PELAMORDEDEUS A PORRA DA MINHA RECARGA CARALHAAAAA!!!!!

Quero conhecer o corpo de gordinhas, negras, mulheres trans,

Tom : Já a recíproca…

Joel : [Jornaleiro] : Pois é rapaz! Se tu tivesse aprendido a usar a internet, poderia ver, no Instagram da Playboy, as fotos do Pablo Vittar!!

não vou dar meu dinheiro para peitos e bundas. Sua banca devia oferecer isso, senão não piso mais aqui”

Tom : Ué mulheres ‘de verdade’ não tem peitos e bundas?!

Joel : Considere que o conhecimento desse garoto em anatomia feminina deve ser o mesmo conhecimento do Kleber BamBam em cirurgia cerebral, ou do Olavo de Carvalho em…qualquer coisa!

Crow : Eu não me conformo!! O moleque foi até a banca, pediu, com todas as letras, uma revista de ‘mulher pelada’, o jornaleiro foi solícito atendê-lo, e ainda recebe uma patada dessa que…que…

Crow : [Sandra Annenberg]: QUE DESELEGANTE!!

Tom : A culpa também é do jornaleiro! Em pleno ano de 2017, um moleque entra na banca dizendo que quer uma revista erótica, e o tiozão não percebe que era uma Trollagem?!

O dono do ponto ficou abismado e falou uma grosseria tamanha

Crow : [Jornaleiro] : VÁÁÁ

“Isso é coisa de comunista, rapá, vira homem

Tom : E nenhum palavrão?!!

Crow : [Jornaleiro] : Pra você eu tenho “O Capital” versão de bolso e em quadrinhos! Se quiser!

aqui é Bolsonaro, igreja e arma na cabeça”

Joel : [Jornaleiro] : O Bolsonaro apontou uma arma na minha cabeça e disse “Vai pra igreja!!” quando eu tentei vender uma Playboy pra ele!

Então, o cliente foi embora decepcionado, sem comprar nada, não sem antes ouvir minha solidariedade.

Joel : [Menina] : Ô SEU ARROMBADO!!!! Por tua culpa, eu não consegui comprar minha recarga e ainda tô atrasada pro trabalho!!! Se meu chefe me descontar, eu vou te achar e SODOMIZO TUA BUNDA COM UM VERGALHÃO ENFERRUJADO!!!!!! SEU MERDA!!!!!!!

Tom : [Menina] : Porra cara! Achei muito FODA a sua CRÍTICA SOCIAL, nem te conheço e já te considero pacas! Tipo, você é um cara muito incrível, totalmente diferente de todos os homens que eu já conheci. Um AMIGO de verdade sabe? Daqueles caras tão AMIGOS que você nem considera como qualquer outra coisa?! Aliás, melhor, você é como um IRMÃO pra mim!!

Crow : Porra, Tom! Pegou pesado agora!!

Mas dali não saia mais um menino, e sim um homem. Homão da Porra.

Tom : Da porra presa, já que ele não comprou a Playboy, nem faturou a menina!

Crow : Ele não comprou a Playboy, a menina não comprou a recarga, o jornaleiro não faturou o dinheiro, perde-perde total nessa droga!

Joel : [Menino] : Desculpa aí, seu Aristides! Mas eu tinha que tentar, né?!

Tom : [Jornaleiro] : Tudo bem! Eu também já menti pra pegar mulher! Pena que não deu certo né!!

Crow : [Menino] : Pois é! Pena que eu só “ouvi”, se ela tivesse pelo menos me deixado dar uma cheiradinha na “solidariedad…

Mr. T. : EEEEEEEEI!! QUE PUTARIA É ESSA!! Este blog é de respeito!! Aqui é TIRIRICA, DEUS E HUMOR INTELIGENTE NA CABEÇA!!

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.