Tom Comunicação
May 24 · 2 min read

O ano não começou fácil para cidadãos, empresários, gestores na iniciativa pública ou privada em Minas Gerais. Mas lidar com tempos e situações difíceis e deles emergir forte é atributo central da mineiridade. No segmento da publicidade, a crise existe e tem múltiplas causas e efeitos. Mas é justamente apostando na capacidade e resiliência das agências e publicitários mineiros que a Abap Minas enxerga 2019 como cheio de possibilidades.

Dois grandes eixos irão orientar a nossa atuação neste ano: compliance e a demonstração da grande contribuição que as agências tem a dar no aumento da competitividade e no fortalecimento das empresas e instituições do estado.

Desde o 2017, a Abap Minas vem trabalhando junto à Abap Nacional no desenvolvimento de um “Código de Compliance da Abap”, desenvolvido em conjunto com a Fundação Dom Cabral, e que terá importante papel na promoção das melhores práticas de gestão e governança nas agências associadas. Mais que isso, acreditamos que este programa poderá contribuir com todos os participantes do segmento da comunicação publicitária — pública e privada — incluindo nossos clientes, fornecedores e parceiros. Através dele daremos uma enorme contribuição para que nosso mercado possa se adequar ao cenário atual de conformidade, integridade e combate à corrupção.

Trabalharemos junto ao mercado, também, para demonstrar às empresas e instituições a relevância do trabalho desenvolvido pelas agências de publicidade, a capacidade das nossas agências em contribuir com as empresas e instituições na construção de suas marcas e no papel central que as agências tem na articulação dos objetivos estratégicos de uma organização em ações e programas de comunicação institucional e mercadológicos eficazes. Neste cenário de fragmentação de atenção e recursos, as agências são players particularmente aptos a integrarem os esforços e recursos e transformá-los em resultados para os clientes.

Falando em mineiridade, Guimarães Rosa escreveu em um artigo na Revista Cruzeiro em agosto de 1957: “mas, sendo a vez, sendo a hora, Minas entende, atende, toma tento, avança, peleja e faz”. Está na hora e não temos dúvida de que vamos fazer.

Tom Comunicação

Criatividade efetiva.

Tom Comunicação

Written by

Criatividade efetiva.

Tom Comunicação

Criatividade efetiva.

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade