Jaques Tati — O Mestre da Comédia

Ok, o posto de maior mestre da história da comédia no cinema é bastante contestável, por isso não vale a pena comparar gênios, apenas exaltar suas diferenças e enaltecer todos (pessoalmente, 3: Chaplin, Tati e Sellers, com o Mr. Bean ali pertinho).

Mas para falar de linguagem cinematográfica, construção de cena, criar expectativa com a ação e aspectos mais técnicos do fazer comédia na telona, eu fico com Tati.

Jaques Tati foi um diretor e ator francês que era capaz de contar uma história inteira e deixar a plateia gargalhando sem muito mais material do que uma sala, uma cadeira e sua presença.

O canal The Royal Ocean Film Society editou um vídeo homenageando o mestre e explicando de forma bem didática algumas das artimanhas que Tati usava para criar humor até onde a gente não costuma vê-lo.

Aliás, esse trabalho do olhar, de enxergar as coisas boas onde já deixamos de procurar e passar a ver os absurdos naquilo que já deixou de nos revoltar é uma marca sua e tema do meu filme favorito dele, Meu Tio (um BAITA clássico).


Originally published at Update or Die!.