Ticket to Ride

A iniciativa, criada pela J. Walter Thompson, incentiva às pessoas a deixarem de vez o carro em casa e usarem o serviço de mobilidade urbana. A mecânica é a seguinte: você usa o código de barras das multas de trânsito (da cidade de São Paulo) para gerar créditos na hora de pedir um táxi no aplicativo. Eu ia me dar muito bem, mas já vendi o carro — ainda bem — e, sim, a cada multa que chegava a vontade era essa mesmo. Você acessa a promoção via app ou pelo site. Obviamente, a promoção exclui multas graves e gravíssimas (a ideia não é premiar infratores e sim incentivar o serviço, claro).
 
 “A nossa missão é melhorar a vida das pessoas por meio da inovação e da tecnologia, assim vimos nesse projeto uma oportunidade de diminuir o número de carros nas ruas de São Paulo, o que impacta positivamente o dia a dia e a mobilidade urbana na cidade.”
, escreveu Fernando Matias, CEO da Easy no Brasil.

Ficha Técnica:

Agência: J.Walter Thompson
 Cliente: Easy
 CCO: Ricardo John e Rodrigo Grau
 ECD: Humberto Fernandez
 Direção de Criação: Gustavo Soares
 Redator: João Gandara
 Diretor de Arte: Diego Viera
 Designer: Paula Bustamante
 Assistente de Arte: Rafael Falco
 Atendimento: Thiago Galdi, Carolina Amaral e Enrico Cavallari
 Mídia: João Dabbur e Vinicius Mauro
 Head of Production: Marcia Lacaze
 Producer: Patricia Mota
 Head of Digital Production: Maisa Delgado
 Digital Producer: Sergio Costa

Produtora de tecnologia: Santuário AG

Produtora: Vandalo
 Diretor: Martin Escriche / Pedro Gomes
 Produtor Executivo: Julieta Biasotti
 Diretor de Fotografia: Rogerio Che
 Diretor de Arte: Debora Pascotto
 Atendimento da Produtora: Isabela Vogas / Roberta Palmari
 Coordenação de Produção: Marcos Eduardo de Aquino
 Pós Produção: Facundo Benedict

Produtora de Audio: Croatia
 Producao: Marcio Chavemarin e Rafael Chaves
 Locucao: Patricia Coelho
 Atendimento: Cani Sahm
 Coordenacao: Lara Fratucelli


Originally published at Update or Die!.