[Post + Vídeo] Como usar uma box Vagrant com a Cloud9 IDE para desenvolver com Elixir ou Phoenix?

Uma das coisas que mais gosto quando uso a casadinha virtualbox/vagrant, é poder levantar todo um ambiente com praticamente um comando. Vamos entender como isso é capaz?

Instale as ferramentas necessárias

A primeira coisa a fazer é instalar as ferramentas que necessitaremos para rodar nossa box, sendo assim, instale o:

Perceba que os usuários do Windows precisarão de um passo a mais, instalando Git For Windows.

Após a instalação das ferramentas, abra o terminal/prompt (usuários Windows devem usar o Git Bash) e instale o plugin do Vagrant responsável por ajustar o Guest Additions nas boxes. Para isso rode o comando:

vagrant plugin install vagrant-vbguest

Clone o projeto e inicie a box

Nosso próximo passo é clonar o projeto, e para isso rode no terminal/prompt:

git clone https://github.com/jacksonpires/elixir-dev.git

Na sequência é só entrar na pasta do projeto e iniciar a box com os comandos:

cd elixir-dev
vagrant up

Prontinho! Após o procedimento de inicialização — que pode levar um tempinho — é só acessar http://localhost:8181 para ter acesso a Cloud9 IDE ou ainda, usar o comando vagrant ssh para ter acesso a box através de SSH.

Uma coisa importante a se dizer é que devemos sempre trabalhar na pasta /vagrant/workspace dentro da Cloud9 IDE, visto que essa é a pasta compartilhada entre o Guest e o Host.

Fácil, não? :)

Aproveitando, disponibilizei um vídeo onde mostro esses passos com mais detalhes e também algumas dicas de uso da box.

É isso gente! Se puder, inscrevam-se em nosso canal do youtube para receber as novidades, além também de curtir nossa página no Facebook , nos seguir nas redes sociais e cadastrar-se em nossa newsletter semanal.

Um super abraço e até a próxima! ;-)