Fonte: https://www.wattpad.com/340157931-democracia-e-monarquia-liberdade-e-monarquia

Monarquista? Como assim?

Do avant-garde republicano para o old-fashioned monárquico

Era exatamente assim que eu pensava quando ouvia um colega monarquista e outras duas ou três figuras públicas que sigo que se declaravam monarquistas.

Para mim isto era ou um saudosismo digno de tratamento psicológico ou um sonho de poder um dia virar nobre. Alias, o termo aristocracia chega a gelar a espinha. Como assim governo dos melhores? Não há isto de melhores. Somos todos iguais.

Monarquia é luxo, riquesa e pompa para alguns e vassalagem para o povo. Como alguém pode querer isto nas terras livres da República Federativa do Brasil?

A duras penas conseguimos com a proclamação da república nossa liberdade como povo que agora é livre e igual, sem os parasitas da era imperial. Salve a república!

Não foram poucas as vezes que maneei a cabeça ao ouvir os monarquistas clamarem pelo retorno do antigo regime. É uma loucura, mas ainda bem que eles são poucos.

Nem é loucura, nem são eles poucos.

Onde eu comecei a mudar de ideia?

Eu acabei achando um congresso on-line chamado Brasil Paralelo. Eles tem por finalidade formar uma mídia independente e para isto operam exclusivamente com o dinheiro dos seus assinantes.

Eu já senti empatia por eles justamente por esta sua posição de indepenência que eu sinto tanta falta em praticamente todas as iniciativas no Brasil. Todo mundo somente quer depender do erário público e todos sabemos no que isto dá no final.

No site deles o vídeo que me chamou a atenção foi justamente o capítulo que fala da história do Brasil, que segundo eles, não foi contada. Das cinco opções gratuitas de vídeos disponíveis decidi por iniciar pelo Capítulo 02 — Terra de Santa Cruz.

Nos seus 35 minutos de duração eles discorrem sobre diversos assuntos da nossa história.

No vídeo você vê comentários sobre o processo de colonização do Brasil, os méritos do processo português (que jamais ouvimos nas escolas), nossos pais fundadores e sua relação com a independência.

… que terras para o grande e vasto império para fazermos uma nova civilização onde tenhamos o assento para as ciências, as letras e as artes. — José Bonifácio

O Prof. Olavo de Carvalho explana muito bem o porque de não existir no Brasil um sentimento nacional e porque nosso nacionalismo somente aflora a cada copa do mundo.

O nacionalismo brasileiro é ressentido. É antes de tudo um anti americanismo. — Olavo de Carvalho

No decorrer do vídeo a visão de Brasil oferecida é muito interessante e você vê surgirem figuras históricas de valor que nos inspirariam com suas vidas, mas que foram apagadas ou passaram a um distante segundo plano na nossa história.

Você ouve uma série de afirmações que descrevem como somos como nação e apontam os porquês de sermos assim.

Excelente trabalho da equipe do Brasil Paralelo. Os demais vídeos são igualmente ótimos.

E o que mudou?

Foi neste vídeo que eu passei a questionar se tudo o que eu tinha aprendido sobre nossa história era realmente verdade e talvez existam de fato pontos dignos de nota do período imperial.

Isto me levou a buscar outras fontes e outras opiniões dos monarquistas, visto que o lado republicano eu já ouvi por toda a minha vida.

Fonte: https://www.facebook.com/vonregium

A primeira coisa que notei entre os monarquistas é seu patriotismo. Eles tem amor pelo Brasil e este amor vem do seu conhecimento histórico. Esse conhecimento histórico faz com que eles sintam orgulho da então nação brasileira, de seus feitos, progressos e do futuro que se abria para ela.

Vi que o motivo pelo qual não interessa que nossos pais fundadores apareçam na história e sejam inspiração para os filhos da pátria é justamente porque eles depõem enormemente contra a história republicana.

Aprendi que o império tinha sim problemas, mas que nenhum deles foi resolvido pela república e que o abandono de todo capital histórico, intelectual, político e espiritual na tentativa de validar a república até hoje nos custa muito caro.

Fonte: http://www.sempredigo.com.br/biografia-e-frases-dom-pedro-ii/

Aliás, a história somente soma e ajuda na causa da monarquia, sendo S.M.I Dom Pedro II seu maior garoto propaganda. O segundo reinado mostrou como realmente a separação entre estado e governo é bom para a nação, bem ainda, que sob a pior da situações, um órfão que aos quinze anos é coroado imperador trouxe prosperidade econômica e continuidade ao país como nunca mais tivemos.

O imperador era rigoroso no trado da coisa pública e sob seu reinado o Brasil era a segunda maior potência naval de guerra, teve a segunda linha telefônica do mundo e o império era reconhecido pelos grandes cientistas da época como um fomentador das ciências.

Aliás, não somente das ciências. S.M.I. pagou do próprio bolso os estudos de diversos brasileiros notáveis fomentando de forma pessoal as artes e a cultura.


A internet tem sido de grande valia nesta caminhada e você vai encontrar em todas as redes sociais, Facebook, Twitter, Instagram, Pinterest, etc. perfis e páginas que defendem a causa imperial.

Todo o dia aparece uma descoberta nova de nosso passado, todo dia aprendo algo novo com meus confrades monarquistas, mas já posso dizer que hoje sou monarquista, graças a Deus!