Quase estrela

by Izabel da Rosa

No ontem, fóton violeta, espectro de estrela azul.

Hoje, sub-molécula ativa em cerebral massa cinzenta de mero corpo sem luz.

Na explosão da galáxia e no pulsar o quasar, em guerras do universo jovem,

libertou-se a poeira cósmica, formadora de meus genes.


Tenho a idade do universo,lembranças do big-bang,nebulosas inteiras viajando dentro de mim.

Amanhã, astro opaco, poeira interestelar, meus átomos de carbono reviverão supernovas em órbitas de gelo e luz.

Núcleo atômico em repouso.

S ou energia viva em eterna mutação.


Se você gostou de um texto deixe seu aplauso clicando no ícone das mãozinhas em verde que estão no final do texto ou no lado esquerdo da página. Você pode aplaudir quantas vezes quiser. (eu vou adorar)

Para me seguir clique na palavra follow depois do meu nome na parte superior da página. Assim estaremos sempre perto.

Para ver todos os meus textos clique aqui