Festival de Yukon (imagem original do artigo antigo)

Aumentando a interação entre as pessoas para criarmos cidades incríveis!

Jonatas Eduardo
Mar 29, 2015 · 3 min read

Você é o que você come. Quantas vezes você já ouviu esta frase? Com certeza algumas vezes. Mas somos mais ainda o resultado daquilo que vivemos, com as pessoas que interagimos!

Você já notou que somos a nossa própria criatura? E que somos mais ainda a síntese das interações com as outras pessoas durante nossa vida?

O mundo já foi um lugar pacato, poucas coisas aconteciam a nossa volta, e não muito raramente as cidades possuíam pouca diversidade de eventos e atividades. Houve um tempo que os grandes acontecimentos da nossa sociedade eram a missa, o casamento e a festa anual da cidade. Por isso talvez as pessoas eram tão iguais, previsíveis e havia pouca inovação.

A mágica acontece fora da sua zona de conforto.

Hoje isto mudou! Hoje são tantas coisas que acontecem, tanta diversidade, cursos, movimentos, palestras, festas de rua, feiras, meetups… E onde você acha que pessoas dão de cara com o diferente? Onde transcendem suas possibilidades? Em casa deitadas no sofá ou botando a cara no sol?

As pessoas mudam quando interagem com o diferente. Se interagimos sempre com as mesmas coisas e com pessoas iguais o resultado é sempre igual!

Muito se fala em mudança. Temos a mudança quase que como utopia: “Ah, um dia isso vai mudar!”, alguns falam. “Queremos mudança!”, gritam outros. Mudança, mudança, mudança. Como podemos mudar? Ou melhor, como podemos potencializar com que as pessoas levantem do sofá e saiam por ai para interagir?

Interagir é o que te faz ser humano.

A fenomenologia social é algo tão complexo e ao mesmo tempo simples que se olharmos a sociedade bem de longe parece que estamos vendo um tubo de ensaio com um monte de átomos interagindo. Quanto mais se chocam, maior a probabilidade de surgirem coisas novas e de se criar um ambiente harmonioso.

Eu tenho uma ideia (e um sonho, na verdade), um projeto chamado Alegreme, que busca exatamente isto: fazer com que as pessoas aproveitem a cidade e interajam com outras pessoas. Uma das soluções propostas hoje é um aplicativo web que organiza eventos e atividades para cada pessoa conforme sua localização, personalidade e amigos (inicialmente!). Buscando sempre que as pessoas descubram coisas novas para saírem por ai interagir.

Nada de empurrar ingressos; de dar destaque somente aos eventos mais populares; de mostrar somente eventos (cursos!) de organizadores que estão vendendo na plataforma. Eventos é apenas a funcionalidade inicial e queremos que o que seja indicado para você, seja por que é o que te deixará mais alegre, simples assim!

Se as pessoas mudam, as cidades mudam. Se as cidades mudam, as pessoas mudam. Ou vai dizer que você nunca foi em um evento que mudou a sua vida?

Onde é possível jogar basquete perto da tua casa? Onde tem sessão de cinema gratuito? Sabia que amanhã inicia um curso sobre empreendedorismo e inovação ai pertinho? E o dentista? Já foi lá esse semestre? São essas perguntas que o aplicativo busca responder.

O Alegreme quer (vai) mudar sua vida. Você pode conhecer mais sobre o projeto em: www.alegreme.com. Mas além de saber mais você logo poderá ajudar a desenvolvê-lo, afinal, a ideia é que ele seja opensource.

Vamos construir uma Porto Alegre ainda mais incrível?!

PS: Este artigo foi atualizado para 2019, originalmente escrito a uns 5 anos atrás para um projeto que rodaria globalmente. Mas em meados de 2014 ferramentas como inteligência artificial e de nuvem ainda não estavam tão acessíveis, e este que o escreve com seus 23 anos também não tinha conhecimento suficiente para rodar um projeto com tais tecnologias incipientes. Hoje parece que o jogo mudou, e ao invés de ser global que tal começar por Porto Alegre? Afinal essa jornada também será um aprendizado. :)

Jonatas Eduardo

Written by

Product developer, marketer, creative entrepreneur at alegreme.com, live in Brazil and dreaming to turn better the relation between people and city

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade