Estilo cyberpunk

Thercyo Barbosa
Jun 17, 2016 · 3 min read
Nerdcast especial de RPG Cyberpunk

A cultura cyberpunk teve seu inicio por volta da década de 40 e 50, dentro dos livros de ficção científica com uma visão utópica. O termo “Cyberpunk” tem como significado a subcultura que é focada na cybercultura, tem como preferência músicas psicodélicas, da junção do punk rock e música eletrônica e por adereços de moda futurista.

Cyberpunk é um subgênero da ficção científica, é conhecido por seu enfoque na “Alta tecnologia e baixo nível de vida” (“High tech, low life”).

As cidades cyberpunks

Tem como característica principal na estética visual o uso de neon com cores vibrantes, na parte rica da cidade tem a presença de prédios monumentais, na parte pobre, as antigas cidades que são assoladas pela criminalidade.

Como por exemplo o filme Akira (onde fiz a análise dele), há trechos onde mostra as, já citadas, características. No video a seguir é possível ver um trecho onde mostra os prédios, as holografias e etc.

As tecnologias

No universo cyberpunk é muito comum ser abordado a temática da substituição de membros do corpo ou até mesmo o corpo inteiro (conservando somente o cérebro ou consciência). Um ótimo exemplo é a animação que Ana Ligia analisou, chamada Ghost in the shell.

Nessa animação de 1995 a protagonista foi submetida a substituição do corpo por um corpo robótico, onde só se conservou sua consciência, mas que a personagem sofre de uma crise de existência, pois como Ana Ligia descreveu “ Devido a esse fato, ela se sente apenas um fantasma do ser humano que um dia ela foi.”

Cyberpunk 2077

Cenários distópicos

Um grande exemplo de um cenário distópico analisado por Leandro Pierin, é Matrix, os humanos criaram as máquinas e elas se voltaram contra eles, para tentar destruir as máquinas, os humanos queimaram o céu, criando uma nuvem densa que cobria o planeta, evitando que a luz solar entrasse no planeta, mas as máquinas utilizaram de outra fonte de energia, os humanos, Onde elas produziam desde a gestação, até a morte.

Humanos usados pelas máquinas como fonte de energia — Matrix

Outra referência de distopia é Blade Runner, onde a Corporação Tyrel cria humanos geneticamente alterados chamados Replicantes, os replicantes são mais fortes, resistentes e inteligentes do que os humanos, então como forma de defesa, eles tem como tempo de vida apenas 4 anos, então vivem na busca por tentar prolongar suas vidas.

Os replicantes Roy Batty e Pris

Tendências Digitais

Observatório de Tendências Digitais da PUCPR foi mantido entre os anos de 2016 e 2018 pelos estudantes da disciplina Laboratório de Tendências de Design Digital e pelo Prof. Dr. Frederick van Amstel (@usabilidoido).

Thercyo Barbosa

Written by

Tendências Digitais

Observatório de Tendências Digitais da PUCPR foi mantido entre os anos de 2016 e 2018 pelos estudantes da disciplina Laboratório de Tendências de Design Digital e pelo Prof. Dr. Frederick van Amstel (@usabilidoido).

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade